nsc
nsc

Polêmica

Após repercussão, diocese catarinense nega que bispo tenha se posicionado a favor de Haddad durante missa

Compartilhe

Ânderson
Por Ânderson Silva
16/10/2018 - 07h45
Foto: Divulgação/Diocese de Caçador

A missa do último domingo na Catedral de Caçador, no Meio-Oeste de SC, causou repercussão nas redes sociais. O bispo Dom Severino Clasen, que comandou a oração, foi criticado por internauta sob a justificativa de que ele teria feito comentários alusivos a um apoio a Fernando Haddad (PT) e a críticas a Jair Bolsonaro (PSL). Horas depois da missa, o assunto ganhou a internet com posicionamentos dos dois lados. Fiéis reclamaram da fala do religioso durante a homilia, espaço destinado a ele para comentar o texto do evangelho lido durante a cerimônia.

Posicionamento

A Diocese de Caçador emitiu uma nota ontem sobre o caso. Segundo o texto, Dom Severino Clasen “em momento algum se utilizou de finalidades político-partidárias na celebração eucarística”. O bispo, afirma a diocese, citou a história de Dom Oscar Romero e Paulo VI, canonizados no domingo pela Igreja Católica, para falar de exemplo de seguimento do Evangelho, de vida, de justiça, de paz.

A homilia, esclarece a nota, “foi uma reflexão do Evangelho do dia, que conta a conhecida história do Jovem Rico, que pergunta a Jesus o que precisa fazer para merecer o Reino de Deus, mas que prefere a “segurança” da riqueza e recusa o chamado de Jesus para segui-lo, bem como um convite de Dom Severino para que todo cristão que recebeu o selo da fé, em sua Crisma abra o coração para a solidariedade e a paz e viva, de fato, a Boa Notícia anunciada por Jesus e tenha a vida eterna”.

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Ânderson Silva

Colunista

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

siga Ânderson Silva

Mais colunistas

    Mais colunistas