Navegue por

publicidade

Ânderson

Política

“Confio nele”, diz Gean Loureiro sobre vereador investigado que assumirá prefeitura

Compartilhe

Por Ânderson Silva
12/07/2018 - 16h08 - Atualizada em: 13/07/2018 - 08h38
Foto: Marco Favero / Agência RBS

O prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (MDB) não vê problema em deixar um réu da operação da Ave de Rapina em seu lugar por 11 dias, quando sairá de férias. Em entrevista para a coluna durante a manhã desta quinta-feira, o emedebista disse que confia no parlamentar (líder da situação na Câmara) e que em uma reunião com o colegiado já foram definidas as ações para os 11 dias. Segundo Loureiro, o pessedista não terá autonomia para decisões financeiras.

—Confio nele (Katumi). O que foi combinado não tenho dúvida de que ele irá cumprir. Ele não vai realizar despesas por mim e tem demonstrado lealdade que não faz colocá-lo sob suspeição sob pena que se eu entendesse diferente, ele não seria líder de governo.

Esta será a segunda vez desde o começo do ano que o prefeito vai tirar um período de férias. A primeira foi em fevereiro. Em 2017, ele também se licenciou em agosto sem remuneração para passar alguns dias com a família. Segundo Loureiro, o descanso faz parte de uma recomendação médica por conta das cirurgias feitas após o acidente sofrido por ele em 2013, na BR-101. O prefeito diz ter direito a 30 dias e que preferiu dividi-lo em três. Desta vez, aproveitará para folgar junto com as férias escolares das filhas.

— Se tem alguém que não se pode falar da capacidade de trabalho, essa pessoa sou eu. Posso não ser o melhor prefeito, mas sou o que melhor pega junto, que está em todas as coisas — justificou-se.

Mudança no pagamento de ações trabalhistas motiva reação de advogados em SC; entenda

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação