nsc
    nsc

    Remição

    Gilmar Mendes diminui pena de preso de SC que foi aprovado no Enem

    Compartilhe

    Ânderson
    Por Ânderson Silva
    07/06/2019 - 03h25 - Atualizada em: 07/06/2019 - 06h45
    (Foto: Fellipe Sampaio/STF)
    (Foto: Fellipe Sampaio/STF)

    O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que o cálculo da remição da pena de um preso de Santa Catarina aprovado no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) seja feito com base em 50% da carga horária definida legalmente para o ensino médio regular (2.400 horas), resultando um total de 133 dias a serem remidos, maior do que se fosse o cálculo usando outros parâmetros.

    O relator acolheu a argumentação da Defensoria Pública da União (DPU) de que o preso, “inclusive pelo ambiente inóspito em que está custodiado, talvez tenha que estudar muito mais horas que os alunos do ensino médio regular para alcançar o mesmo objetivo de aprovação no Enem”.

    Leia também: Um a cada quatro presos de Joinville trabalha dentro da prisão

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas