nsc

publicidade

Ânderson

Rejeitado

TRF4 nega liberdade a casal de empresários presos na operação Alcatraz

Compartilhe

Por Ânderson Silva
20/08/2019 - 18h00
Policiais federais cumpriram mandados da Operação Alcatraz em 30 de maio (Foto: Tiago Ghizoni / NSC Total)
Policiais federais cumpriram mandados da Operação Alcatraz em 30 de maio (Foto: Tiago Ghizoni / NSC Total)

A 7ª Turma do Tribunal Regional Federal (TRF4) da 4ª Região negou nesta terça-feira a liberdade para Flávia Werlich Coelho e Maurício Barbosa, casal preso na operação Alcatraz, desencadeada em 30 de maio pela Polícia Federal (PF). Os dois são proprietários de empresas de tecnologia investigadas como integrante de uma suposta organização criminosa que atuaria dentro do governo do Estado.

A decisão dos três desembargadores foi unânime. O voto do relator, desembargador Luiz Carlos Canalli, foi seguido pelos outros dois membros da Turma.

Denúncias aceitas

A Justiça Federal recebeu três denúncias na sexta-feira, 16 de agosto, contra 17 pessoas investigadas na operação Alcatraz, ação realizada no dia 30 de maio deste ano em Santa Catarina pela Polícia Federal (PF). Nas decisões, a juíza da 1ª Vara de Justiça Federal de Florianópolis, Janaina Cassol Machado, também derrubou o sigilo do processo.

Com isso, tornaram-se réus 17 pessoas. Entre elas, uma mulher está em prisão domiciliar e outras sete seguem detidas em unidades prisionais: seis na Penitenciária da Agronômica, em Florianópolis, e uma em São Paulo. As demais não chegaram a ser presas durante as investigações.

Deixe seu comentário:

Ânderson Silva

Ânderson Silva

Ânderson Silva

Colunista da NSC Comunicação, publica diariamente informações relevantes sobre as decisões que impactam o catarinense, sem esquecer dos bastidores dos poderes. A rotina de Florianópolis em texto e imagens também está no radar da coluna.

anderson.silva@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade