Florianópolis

publicidade

Cacau

Cultura

Prefeitura de Florianópolis entrega museu ao SESC

Compartilhe

Por Cacau Menezes
14/09/2018 - 07h50 - Atualizada em: 14/09/2018 - 07h50
Museu de Florianópolis
(Foto: )

Na manhã desta sexta (14), às 11h30, a Prefeitura Municipal entregará ao Sesc, totalmente restaurado, o belo casario do século 18 que antes abrigava a antiga Câmara Municipal, conhecida como Casa de Câmara e Cadeia, na Praça XV, o qual, em seguida, será transformado no Museu de Florianópolis. A instalação do museu, propriamente dito, ficará a cargo da Fecomércio, via Sesc, que terá a sua gestão por 30 anos.

O museu contará a história de Florianópolis. O seu objetivo é incluir as pessoas no ontem, hoje e amanhã da cidade. O arquivo será pequeno, pois o espaço é exíguo, todavia, contará com exposições itinerantes, sempre contanto algo da nossa história. Será um museu totalmente tecnológico, aproveitando os recursos mais modernos usados no mundo. Sem dúvida, é um belo presente para a cidade. A pesquisa que conta

Quando o candidato diz: “A única pesquisa que conta é a das urnas" e a tradução é: “Vamos ter um resultado ruim. Mas até que se chegue ao final, é melhor não admitir”.

A turma “são” Figo

A piada do momento no Café Sorrentino, reduto do alvinegro Nivaldinho Machado, é que as criptomoedas lançadas pelo Avaí têm a garantia do Samuca, aquele, não tem? Nome

O professor Sérgio Gargioni, depois de oito anos, deixa a presidência da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação de Santa Catarina (Fapesc) para assumir a chefia do Departamento de Engenharia Mecânica da UFSC. Poucas vezes se ouviu falar do Dr. Gargioni, mas ele, no silêncio de um técnico eficiente, projetou a Fapesc e deu vida à área de inovação, onde cerca de 500 empresas foram criadas graças aos incentivos da Fundação. Seu trabalho teve reconhecimento nacional, a ponto de ser eleito presidente do Conselho Nacional das Fundações Educacionais de Amparo à Pesquisa. Taí um nome forte para o próximo governo, seja ele quem for.

Prepare-se

O que dizem e eu não afirmo é que com a assinatura da ordem de serviço do principal acesso à Ilha, que terá seu congestionamento aumentado, a via que já vinha sendo chamada de " Via Estressa" passará agora para "Via Infarta". Muita paciência e algumas mudanças de hábito podem ajudar a superar os próximos 12 meses, prazo esse estipulado para a conclusão da ampliação desejada e necessária da Via Expressa. 

É mole?

"Fala Cacau! Engraçado, genial. Já estou há quase seis meses em Bali. Como foi na Rússia? Olha a minha russa aqui em GeGer Beach, em Nusa Dua. A outra foto é em Ubud, no templo das águas. Lavando a Alma. Tô na ilha dos deuses e com saudades da Ilha da Magia. É tudo farinha do mesmo saco. Paraísos. Os terremotos aqui deram uma trégua, mas é uma sensação igual a quando explode a pedreira lá no Rio Tavares. Aloha. Temam, querido. Lança essa gíria aí. Teman é amigo em balinês. Abraços, Carlos Henrique, modelo de 55 anos de idade, bonito, grisalho e sedutor."

Pronto pra jogar

Advogado Leoberto Baggio Caon, daquela faixa de torcedores apaixonados, sente que o seu Figueirense está tão mal que ele está se oferecendo para jogar.  

Leia também:

Itajaí tem uma semana com espetáculos teatrais gratuitos todos os dias

Deixe seu comentário:

publicidade

Florianópolis
© 2018 NSC Comunicação
Florianópolis
© 2018 NSC Comunicação