nsc
    nsc

    NO URUGUAI 

    Presidente surfista

    Compartilhe

    Por Cacau Menezes
    07/12/2019 - 06h30
    Novo presidente.
    Luis Lacalle Pou. (Foto: Mariana Greif / Reuters)

    E depois de ser o primeiro país da América Latina a liberar a venda e o consumo recreativo da cannabis, o Uruguai agora tem um presidente surfista. Luis Lacalle Pou, eleito no último domingo, pega onda desde os anos 1980, com viagens para a Indonésia, Havaí, Nicarágua, El Salvador e Brasil. E, assim como o músico e surfista Jorge Drexler, conterrâneo dele, Floripa era o point do novo presidente uruguaio quando vinha surfar em nossas praias.

    Mulheres da Venezuela

    Pelas imagens que circulam nas redes sociais da “ guerra ” na Venezuela, entre a população que deseja a imediata saída do presidente rejeitado Nícolas Maduro e os militares que ainda apoiam o governo, impressiona a beleza das mulheres que estão na rua enfrentando até a polícia, como se estivessem numa festa no P12, The Roof ou Café de la Musique.

    Um verdadeiro exército feminino de enlouquecer qualquer caça-talentos. O que me leva a pensar que as mulheres do país vizinho são as mais belas do mundo. Até mais corajosas do que os homens de lá, elas preferiram ficar para mudar o país a começar vida nova e por baixo no Brasil.

    Cansativo

    Jornalista César Seabra, na coluna desta revista no último fim de semana, levantou polêmica ao escrever sobre o Brasil atual: “ Com humildade, digo, que o Brasil não é sério, nem para amadores e é um pais cansativo. O Brasil cansa – e muito ”.

    Peço licença ao diretor de jornalismo da NSC para acrescentar: o Brasil é cansativo e exaustivo. Tem que partir logo para um outro modelo de vida ou a rapeize vai correr daqui para viver em outro país, onde “ Cansativo e exaustivo ” são palavrões.

    Quem será?

    No linguajar gaúcho, “ Tocar a tropa ” significa ficar bem atrás dos demais vaqueiros quando se está conduzindo uma boiada. É comum o termo ser usado na política, quando se quer prever que um candidato vai ficar na “rabeira”, obtendo menos votos do que os demais.

    Porém, se Gean Loureiro, João Amin e Pedrão saírem como postulantes ao cargo de prefeito de Floripa nas eleições do ano que vem, um deles vai “ Tocar a tropa ”. Quem será?

    Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC​

    Acesse as últimas notícias do NSC Total

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas