nsc
    nsc

    FRENTE PARLAMENTAR 

    De Toni e a "cultura da morte"

    Compartilhe

    Carolina
    Por Carolina Bahia
    06/12/2019 - 16h46
    Deputada.
    Caroline De Toni. (Foto: Pablo Valadares / Câmara dos Deputados)

    A deputada Caroline De Toni (PSL-SC) assumiu a coordenação da região sul da Frente Parlamentar Mista Contra o Aborto e em Defesa da Vida. Caroline disse que vai trabalhar para combater a " Cultura da morte ".  

    - Em 1995, o papa João Paulo II falava em cultura da morte, ativamente promovida por correntes culturais, econômicas e políticas, composta pela banalização do aborto, eutanásia e políticas eugenistas. Quero promover a cultura da vida.

    A Frente foi lançada na quinta-feira (5) e é presidida pela deputada Chris Tonietto (PSL-RJ). Os outros catarinenses que fazem parte do grupo são os deputados Angela Amin (PP), Rodrigo Coelho (PSB), Rogério Peninha (MDB), Celso Maldaner (MDB), Coronel Armando (PSL), Daniel Freitas (PSL) e Darci de Matos (PSD).

    O aborto é legal no Brasil em casos de estupro, quando há risco de vida da gestante ou quando o feto sofre de anencefalia (distúrbio cerebral congênito fatal). Segundo a organização Human Rights Watch, uma a cada cinco mulheres no Brasil já fez aborto até os 40 anos. 

    *Com Camila Faraco

    Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC​

    Acesse as últimas notícias do NSC Total

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas