nsc
    nsc

    Análise política

    Fantasma da greve dos caminhoneiros ronda o Planalto

    Compartilhe

    Carolina
    Por Carolina Bahia
    22/07/2019 - 19h46
    (Foto: Diorgenes Pandini / Diário Catarinense)
    NSC Total
    (Foto: )

    O fantasma de uma nova greve dos caminhoneiros voltou a rondar o Palácio do Planalto, que agiu rápido ao suspender, pelo menos temporariamente, a nova tabela de frete - anunciada na semana passada. Apesar de ser uma reivindicação antiga da categoria, os preços mínimos apresentados não agradaram.

    Após críticas, o governo viu acender o alerta vermelho quando, no final de semana, diversos grupos no WhatsApp voltaram a falar em paralisação. Segundo o presidente Jair Bolsonaro, há informações de que o caso já “está resolvido”. No entanto, a situação não é tão simples assim. Afinal, há uma nova rodada de reuniões marcada para nesta quarta-feira (24) entre governo e representantes da categoria, em Brasília.

    Vale lembrar que, em menos de sete meses de governo, o risco de greve já atormentou o Executivo. Tanto que, em abril, Bolsonaro causou alvoroço no mercado ao intervir na Petrobras e ordenar a queda no valor do diesel. Ainda houve anúncio de crédito facilitado e mudança na política de reajuste dos combustíveis.

    Mais do que evitar uma nova greve, o governo quer evitar rusgas com os caminhoneiros, vistos como aliados. Além disso, uma nova parada poderia comprometer ainda mais as pálidas projeções de desempenho da economia em 2019.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas