nsc

publicidade

Carolina

Compromisso

Moro diz que vai levar impasse judicial de acidente da Chapecoense para Bolsonaro 

Compartilhe

Por Carolina Bahia
22/08/2019 - 06h00
Sergio Moro garantiu à Associação dos Familiares e Amigos das Vítimas do Voo da Chapecoense que vai levar o impasse judicial do caso ao ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e ao presidente Jair Bolsonaro (Foto: Isaac Amorim / Divulgação)

O ministro da Justiça, Sergio Moro, garantiu à Associação dos Familiares e Amigos das Vítimas do Voo da Chapecoense que vai levar o impasse judicial do caso ao ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e ao presidente Jair Bolsonaro. A reunião no ministério, intermediada por senadores como Espiridião Amin (PP) e Jorginho Mello (PL), é mais um passo para transformar a causa em uma questão política nacional. O próximo será pressionar diplomaticamente as autoridades aéreas na Colômbia e Bolívia para se comprometerem ao menos a dar respostas às famílias. Prestes a completar três anos em novembro, ninguém foi responsabilizado pela tragédia até agora.  

Presença confirmada  

O presidente do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE), Rodrigo Sergio Dias, é presença confirmada no 1º Seminário Estadual de Educação em Santa Catarina, nos dias 4 e 5 de outubro em Balneário Camboriú. Dias e sua equipe farão atendimentos individualizados a prefeitos e secretários municipais. O coordenador do Fórum Parlamentar Catarinense, deputado Rogério Peninha (MDB), também convidou o ministro da Educação, Abraham Weintraub, para participar do evento.  

Contra o tempo  

O grande desafio da área econômica e da equipe do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) será agilizar o processo de privatização das estatais. As rodovias leiloadas este ano estavam com a modelagem pronta e o aval do TCU desde o governo Temer. O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, ainda quer firmar parcerias com o setor privado para a retomada de obras de creches e UPA’s.  

Deixe seu comentário:

publicidade