Navegue por

publicidade

Clóvis

Política

Bloco parlamentar na Câmara de Blumenau formado por MDB, PSD, PSB e Pros sofre racha em votação

Compartilhe

Por Clóvis Reis
11/07/2018 - 16h52 - Atualizada em: 11/07/2018 - 16h52

Câmara de Blumenau.
(Foto: )

O bloco parlamentar que MDB, PROS, PSB e PSD formam na Câmara de Blumenau sofreu ontem o mais duro revés desde o anúncio da sua criação. A coalizão rachou na votação do projeto que autoriza a prefeitura a contratar um financiamento de R$ 56 milhões junto à Caixa Econômica Federal.

Três vereadores acompanharam o governo e dois mantiveram a autodenominada independência em plenário. O resultado escancara a irreversível divisão do bloco e coloca em xeque o futuro da formação. O vereador Jovino Cardoso (PROS) está de malas prontas e são insistentes os rumores de que o vereador Marcelo Lanzarin (MDB) seguiria o mesmo caminho.

O racha teria origem na condução política do agrupamento, fundada numa relação excessivamente tensa com a administração municipal, posição que desagrada os vereadores mais experientes.

O vereador licenciado Almir Vieira é, hoje, o principal interlocutor do PP junto à prefeitura de Blumenau.

JPK

Pré-candidato a governador, o deputado João Paulo Kleinubing tem carta branca da direção nacional do DEM para decidir quem o partido apoiará em Santa Catarina na disputa para a presidência da República. A preferência oscila entre os nomes de Álvaro Dias (Podemos) e Geraldo Alckmin (PSDB).

Licitação

A prefeitura de Blumenau lança hoje a licitação para compra do novo sistema de iluminação e sonorização do auditório da Fundação Cultural. A iniciativa tem origem numa emenda de R$ 101 mil do senador Dalírio Beber (PSDB) ao orçamento federal.

Caravana

O deputado Décio Lima (PT), pré-candidato a governador, começa sexta-feira uma nova caravana pelo Estado. A largada da mobilização será pelo Sul e tem como foco a discussão de propostas para o plano de governo.

Economia

A Câmara de Blumenau anuncia uma economia de quase R$ 78 mil anuais com a nova licitação para o serviço de vigilância. O presidente Marcos da Rosa (DEM) faz do rigor nas contas uma bandeira da gestão.

Prevenção

O Fórum Municipal de Segurança deflagrou uma campanha de prevenção ao suicídio. Nos últimos três meses, Blumenau registrou 10 ocorrências.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação