nsc
    nsc

    Infraestrutura

    Concorrentes reprovam na licitação para alargar faixa de areia em Balneário Camboriú

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    15/09/2020 - 16h27
    Praia Central de Balneário Camboriú
    Praia Central de Balneário Camboriú (Foto: Luiz Carlos Souza)

    O projeto de alargamento da faixa de areia da Praia Central de Balneário Camboriú esbarrou, mais uma vez, na habilitação dos concorrentes. As quatro empresas e consórcios que se apresentaram após a retomada da licitação, em junho, foram consideradas inabilitadas.

    > Balneário Camboriú reinicia licitação para alargar faixa de areia

    Isso já havia ocorrido na primeira tentativa de tocar o projeto, no início do ano. No momento, concorrem na licitação a brasileira Enterpa Engenharia, a holandesa Van Oord Serviços e Operações Marítimas, o Consórcio Dragabrás-Ster Engenharia e o consórcio entre DTA Engenharia e a belga Jan De Nul. Todas fizeram pedido de reconsideração, que está sob análise do secretário de Compras de Balneário Camboriú, Samaroni Benedet.

    Parada desde março, devido à pandemia, a licitação foi reativada em junho. A obra, que prevê triplicar a faixa de areia, é orçada em R$ 85 milhões.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas