nsc
    nsc

    Polícia

    Empresário de Balneário Camboriú é preso no Pará com um milhão de dólares

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    26/03/2020 - 17h35 - Atualizada em: 27/03/2020 - 08h38
    Dólares apreendidos (foto: Agência Pará, Reprodução G1)
    Dólares apreendidos (foto: Agência Pará, Reprodução G1)

    Um empresário de Balneário Camboriú, sócio de uma construtora e de uma imobiliária em Santa Catarina, está preso desde o último sábado (21) no Pará. Ele pilotava um avião que, segundo a Polícia Civil paraense, levava a bordo quase US$ 1 milhão. Um passageiro conseguiu fugir.

    A aeronave foi interceptada quando pousou em uma pista clandestina, em São Félix do Xingu. A polícia divulgou que dentro do avião havia um revólver, 150 litros de combustível, além de US$ 978 mil.

    De acordo com o portal G1, a denúncia recebida pela polícia informava que o avião carregava drogas – o que não foi confirmado.

    A Diretoria Estadual de Combate à Corrupção (Decor) e a Coordenaria de Operações e Recursos Especiais (Core) da Polícia Civil do Pará são responsáveis pelas investigações.

    A Polícia Federal também avalia se há relações entre a apreensão e outros casos apurados na região. O jornal O Globo informou que o local onde o avião pousou é investigado como parte da rota de tráfico internacional de cocaína que envolve diversos países, entre eles Bolívia, Paraguai, Venezuela e Brasil.

    Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​​

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas