publicidade

Navegue por
Darci

Imigração em Paraíso ainda não começou por falta de internet

Compartilhe

Por Darci Debona
06/12/2018 - 18h24 - Atualizada em: 06/12/2018 - 18h25
Posto de imigração foi inaugurado no dia 12 de novembro
Polícia Federal já atua na ponte do rio Peperi-Guaçu mas imigração só em Dionísio Cerqueira. Foto: Luciano Encarnação

Os processos de imigração pela ponte do Rio Peperi-Guaçu em Paraíso, na fronteira de Santa Catarina com a Argentina, ainda não começaram, embora o prédio que abriga o posto de imigração da Polícia Federal tenha sido inaugurado há quase um mês.

- Falta a instalação da internet, a cargo da Embratel, não temos previsão – informou o chefe da Delegacia da Polícia Federal em Dionísio Cerqueira.

Por enquanto a imigração na fronteira continua sendo feita apenas em Dionísio Cerqueira, o que aumenta em 130 quilômetros a distância entre Chapecó e Posadas, capital da província de Misiones.

Cerca de 100 mil turistas ingressam anualmente por Dionísio Cerqueira no período das férias de verão.

Deixe seu comentário:

Darci Debona

Darci Debona

Darci Debona

Repórter que traz os fatos mais importantes de Chapecó e região em destaque. A política, a economia, a segurança e o cotidiano do Oeste de Santa Catarina pelo olhar de quem conhece a região.

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação