publicidade

Navegue por
Diogo

O primeiro nome

Moisés surpreende ao anunciar chefe da Polícia Civil antes do secretário de Segurança

Compartilhe

Por Diogo Vargas
23/11/2018 - 19h21 - Atualizada em: 23/11/2018 - 21h31
Paulo Koerich, futuro delegado-geral da Polícia Civil. (Foto: Jandyr Nascimento / Arquivo).

O governador eleito Carlos Moisés (PSL) surpreendeu hoje (23) ao revelar o futuro delegado-geral da Polícia Civil de Santa Catarina. Não pelo nome, o experiente delegado Paulo Koerich, mas pelo anúncio ter sido anteriormente ao de quem ocupará a Secretaria de Segurança Pública (SSP).

Nos últimos governos, via de regra, o governador eleito costumava divulgar primeiro o titular da SSP. Depois, o secretário então fazia a devida comunicação dos chefes das polícias Civil e Militar.

Com Koerich aconteceu diferente. Nos bastidores, comenta-se que representa um sinal de força e confiança ao trabalho do delegado. Um outro fator pode ser a dificuldade na escolha de quem comandará a segurança.

A delegada-geral adjunta de Koerich deverá ser Ester Coelho, da 2ª DP (Saco dos Limões) de Florianópolis, que afirma ter sido convidada por ele — ainda não houve anúncio oficial a respeito dessa função.

Convite no governo Colombo

Koerich, atual titular da DP de Gaspar, no Vale, era um dos nomes cogitados para o comando da Polícia Civil desde o primeiro mandato de Raimundo Colombo (PSD), na gestão do então secretário César Grubba, em 2011.

Mas, a informação divulgada na ocasião é que devido a um problema de saúde na época, Koerich recusou o convite. Colombo então nomeou para a delegacia-geral Aldo Pinheiro D'Ávila.

Gestor e operacional

O perfil do futuro número 1 da Polícia Civil catarinense associa aspectos de gestor administrativo com o operacional, embora ele não tenha figurado em grandes operações da instituição nos últimos anos.

Em redes internas de policiais civis, as primeiras manifestações foram positivas. Delegado classe especial, Koerich substituirá o delegado-geral Marcos Ghizoni, no cargo desde fevereiro.

Leia mais notícias e análises de Diogo Vargas

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação