publicidade

Eduarda

Ameaçada de extinção

Audiência discute o manejo sustentável da araucária

Compartilhe

Por Eduarda Demeneck
17/05/2019 - 16h33 - Atualizada em: 17/05/2019 - 16h35
(Foto: Marlon Luís Lucchini / Arquivo Pessoal)

Em Lages, uma audiência pública vai discutir nesta sexta-feira (17) o manejo do corte das araucárias, árvores responsáveis pela produção do pinhão, uma semente apreciada por muita gente. Por lei, cortar esse tipo de árvore é proibido, porque ela está na lista das ameaçadas de extinção. Nessa audiência, entretanto, o que se quer é discutir justamente uma forma de flexibilizar essa lei.

Proposta pela Câmara de Vereadores de Lages, durante o mês de abril uma equipe da casa legislativa acompanhou o engenheiro florestal Nilton Schneider em um estudo científico. Segundo alguns especialistas, o cultivo e o manejo sustentável da araucária está diretamente ligado ao combate a extinção da árvore.

Agora, através da audiência pública, pretende-se debater o assunto e buscar esforços conjuntos de técnicos e autoridades políticas para a legalidade constitucional do manejo de corte da araucária. A audiência está programada para acontecer a partir das 19h, no Teatro Marajoara e é aberta para comunidade.

Deixe seu comentário:

publicidade