nsc
    nsc

    Superação

    Grupo de amigos atravessa Santa Catarina e chega a Florianópolis após cinco dias de corrida

    Compartilhe

    Eduarda
    Por Eduarda Demeneck
    05/12/2020 - 10h59 - Atualizada em: 05/12/2020 - 11h06
    Corredores completaram 720 quilômetros do Oeste ao Litoral de SC
    Corredores completaram 720 quilômetros do Oeste ao Litoral de SC (Foto: Wenndel Paixão, Arquivo Pessoal)

    Foram cinco dias correndo pela BR-282, do Oeste ao Litoral Catarinense, e cerca de 120 quilômetros percorridos por dia por 12 amigos, que saíram de Dionísio Cerqueira, no Extremo Oeste, no último domingo (29). 

    A chegada á Florianópolis, na Ponte Hercílio Luz, foi nesta sexta-feira (4), às 15h. A ideia de percorrer 720 km correndo foi do empresário de 60 anos, Ricardo Zago. A intenção é incentivar a prática de esporte, principalmente nesse momento da pandemia.

    > Receba notícias de SC por WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do NSC Total

    — A gente está comemorando a vida. É Saúde, é alegria. Também, problemas que a gente teria. Isso tudo vai ficando pelo caminho com qualquer tipo de esporte — afirma Zago.

    São pessoas entre 30 e 60 anos de idade que toparam o desafio. A ideia de fazer essa corrida pela BR 282 em uma semana era antiga. Mas, foi durante a pandemia que eles encontraram inspiração e tomaram coragem. O trajeto foi completado em equipe, a cada 15 km um corredor assumiu a corrida. Eles também contaram com a ajuda de um ciclista e de uma van que levava os corredores.

    — Nós temos uma bicicleta nosso amigo Rodrigo vai junto com o corredor, levando água e auxiliando para o perigo, também. Sinalizando. E o pessoal vai com um carro, parando mais próximo também pra fazer o revezamento, a troca — explica um dos corredores, Marcelo Branco Brollo.

    No percurso eles encontram subidas íngremes e falta de estrutura na rodovia. Em muitos locais não tinha acostamento. Dificuldades vencidas com segurança até chegar ao objetivo final. Teve até corredor sem muita experiência. Sirivaldo Barbieri tem 60 anos, e corre há apenas um. Conseguiu cumprir a missão com sucesso.

    — Foi um grande desafio essa corrida. É pra mim está sendo uma superação porque eu tinha certeza que tudo que a gente quer a gente consegue. E aqui com os meus 60 anos estou fazendo essa corrida e dizendo é possível.

    Mais colunistas

      Mais colunistas