A rede Angeloni de supermercados estreou nesta segunda-feira parceia com a Food To Save, foodtech número um do Brasil contra o desperdício de alimentos. Por meio de app, o consumidor pode adquirir uma sacola de alimentos na rede supermercadista por preços 70% mais baratos, mas para consumo imediato.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

São sacolas dos setores de hortifruti e padaria, no caso desta última com opções salgadas, doces e mistas, pelos preços fixos de R$ 15,99 e R$ 20,99, com 70% de desconto frente a preços que seriam pagos para adquirir o produto diretamente na loja. São sacolas surpresa porque o cliente escolhe apenas o setor e não os produtos que vai levar.

Com esse acordo, a expectativa da rede Angeloni é salvar mais de 20 toneladas de alimentos neste mês de abril. É uma inovação que permite ganhos para ambas as partes, o consumidor e a rede supermercadista. As compras podem ser feitas somente pelo app, com entrega via delivery do aplicativo ou a sacola pode ser pega na loja do supermercado.

Esse empenho para combater desperdício de alimentos acontece mais nas grandes brasileiras. Entre as que já aderiram estão São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte e Curitiba. O Angeloni aderiu nas lojas de Curitiba e está incluindo agora todas as unidades da rede.

Continua depois da publicidade

O cofundador e CEO da Food To Save, Lucas Infante, destaca que essa parceria com o Angeloni reforça o compromisso da empresa no combate ao desperdício de alimentos. Segundo ele, a rede é reconhecida por ter essa preocupação de combate ao desperdício.

– A proposta da Food To Save chamou nossa atenção desde o início de sua atuação. Ficamos muito felizes quando soubemos da expansão para Curitiba e Florianópolis – afirma o diretor do Angeloni, Norberto Colla.

Segundo ele, é uma preocupação da empresa o descarte contínuo de alimentos ainda saudáveis para o consumo. Ele avalia que essa parceria é uma forma de incentivar as pessoas a adotarem consumo mais sustentável.

Atualmente, a Food To Save atua em mais de 20 cidades brasileiras. Já ajudou a não desperdiçar mais de 2.200 toneladas de alimentos. Esse total evitou perda financeira de R$ 30 milhões para as empresas parceiras. Além do Angeloni, entre as marcas que também oferecem entregas via Food To Save estão a Starbucks, Hortifruti, The Coffee e Natural da Terra.

Continua depois da publicidade

Leia também

Cada vez mais, casais de SC dividem só os bens adquiridos juntos

ESG Summit Brazil será em agosto num espaço paradisíaco de Florianópolis

Feira internacional FIN Brasil terá representações de 42 países

Conhecida como “fábrica de bilionários”, WEG troca de comando nesta segunda

SC lidera número de nascimentos no país, mostra IBGE

Condomínio em vinícola na Serra de SC oferece terrenos de até R$ 3 milhões

Destaques do NSC Total