nsc
    nsc

    Definições

    Catarinense 2020: agora a maior briga está pelas últimas vagas e contra o mata-mata do rebaixamento

    Compartilhe

    Faraco
    Por Faraco
    25/02/2020 - 16h38 - Atualizada em: 25/02/2020 - 16h48
    Vitória sobre o Boavista, na Copa do Brasil, deu novo ânimo para a Chapecoense (Foto: Márcio Cunha/ACF)
    Vitória sobre o Boavista, na Copa do Brasil, deu novo ânimo para a Chapecoense (Foto: Márcio Cunha/ACF)

    Faltam três rodadas para o final da fase classificatória do Campeonato Catarinense 2020. Considerando que Brusque e Marcílio Dias, com 13 pontos, estão praticamente classificados, lutando apenas pela definição das primeiras colocações; que Avaí e Figueirense, com 10 pontos, precisam somente de mais uma vitória para a confirmação de suas vagas; e que Joinville e Criciúma, com 9 pontos, estão quase que na mesma condição que a dupla da capital, e mais uma vitória daria a classificação a eles; a briga ficou mesmo pelas duas últimas vagas para o mata-mata e contra a disputa para permanecer na elite, que prevê o "mata-mata da morte".

    Ali estão o Juventus, o Tubarão, o Concórdia e a Chapecoense. O time de Chapecó surpreende negativamente na lanterna do campeonato.

    A grande questão é: será que a Chapecoense ainda consegue reverter o quadro atual e se classificar para o mata-mata? Ainda dá, mas a equipe, agora comandada por Umberto Louzer, vai precisar vencer pelo menos duas das três partidas que faltam. Uma delas é obrigatória, que é o confronto direto diante do Tubarão, na última rodada. Só que a Chape não pode perder neste final de semana num jogo bem complicado contra o Figueirense, no Orlando Scarpelli. Na realidade, para não depender de ninguém a o Verdão precisa mesmo é vencer os três jogos. O cenário é muito difícil.

    E o Juventus, que começou tão bem a competição, consegue se recuperar? O jogo deste final de semana é fundamental pra isso. O Juventus recebe o Concórdia e tem que vencer. É o jogo chave. Chegando a 10 pontos, o time de Jaraguá do Sul, praticamente se garante.

    O Concórdia também tem neste jogo o seu momento definitivo. Com quatro pontos, o Galo do Oeste tem que vencer o Juventus. Se perder dificilmente terá chances de entrar ainda na segunda fase. O Concórdia tem Brusque e Avaí nas duas últimas rodadas. O que torna o caminho muito difícil.

    É o cenário do Tubarão também. Tem uma partida muito difícil contra o Avaí, na segunda. Mas a sequência também é duríssima. O Marcílio Dias fora de casa é jogo de alto risco e decidir contra a Chapecoense na última rodada é parada ainda mais complicada.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas