nsc

publicidade

Faraco

Campo

Figueirense deveria mudar a postura tática

Compartilhe

Por Faraco
11/09/2019 - 07h15 - Atualizada em: 11/09/2019 - 12h49
Treino no Scarpelli. Foto: FFC/Divulgação
Treino no Scarpelli. Foto: FFC/Divulgação

Nas próximas quatro partidas, o Figueirense enfrenta os três primeiros colocados. Primeiro pega o Sport, em casa, depois recebe o Bragantino e por último visita o Atlético-GO. No meio destes jogos tem “refresco” fora de casa contra o Brasil-RS. Assim como tenho afirmado que o Avaí precisa ser mais defensivo na Série A, chegou o momento de avaliar que o Figueirense também deveria adotar esta postura na Série B. Pelo menos nestas próximas partidas.

Mesmo que tenha a necessidade da vitória, se expor contra os próximos adversários pode ser um tiro no pé. É inegável que Bragantino e Sport estão muito acima do Figueira – não só nos pontos, mas nas atuações. A comissão técnica e os jogadores têm que ter a maturidade de entender isto e jogar com um time que marque muito mais e lute mais do que tente envolver ou trabalhar bola. São 12 pontos em jogo. É preciso somar pelo menos oito nestas partidas.

Deixe seu comentário:

publicidade