nsc
    nsc

    Pandemia

    Caixas térmicas que seriam usadas no carnaval irão armazenar e transportar vacinas 

    Compartilhe

    Leo
    Por Leo Coelho
    05/02/2021 - 13h28 - Atualizada em: 05/02/2021 - 15h41
    Itens são essenciais no processo de vacinação e estão em falta
    Itens são essenciais no processo de vacinação e estão em falta (Foto: Divulgação)

    Este ano, as caixas térmicas utilizadas – tradicionalmente – no carnaval serão adaptadas e destinadas às Secretarias Estaduais de Saúde de 26 estados, mais o Distrito Federal, para armazenar e transportar vacinas contra Covid-19.

    > Monitor da vacina: acompanhe o avanço da imunização em SC 

    > Confira o mapa da evolução do coronavírus em Santa Catarina

    Em um ano tão diferente, a Ambev decidiu dar outro destino para os equipamentos que manteriam suas bebidas geladas durante os bloquinhos de carnaval.

    Santa Catarina receberá 100 caixas ao todo. Com capacidade de armazenamento simultâneo para mais de 3 milhões de doses de vacinas, as mais de 5 mil caixas térmicas começarão a ser entregues na sexta-feira em que começaria o Carnaval, dia 12 de fevereiro.

    > Ivermectina não é eficaz contra Covid-19, diz fabricante do medicamento

    As caixas térmicas, que foram adaptadas especialmente para o uso médico, são de poliuretano e possuem um termômetro para controle da temperatura. A logística de distribuição será feita pela Ambev, junto com seus parceiros Transportadora Real94 e LZN Logística, e será feita com critérios de priorização dos estados com menor renda e maior população. 

    Mais colunistas

      Mais colunistas