nsc

publicidade

Lisandra

Dia de beleza para mulheres

Compartilhe

Por Lisandra Oliveira
16/05/2019 - 11h44
Phellippe José/Secom/Além de atendimento gratuito de cabeleireira, manicure e maquiagem, até o final de maio, as mulheres receberão orientações sobre saúde, direito e violência contra a mulher
Phellippe José/Secom/Além de atendimento gratuito de cabeleireira, manicure e maquiagem, até o final de maio, as mulheres receberão orientações sobre saúde, direito e violência contra a mulher

As mulheres que utilizam o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) do Bucarein tiveram uma surpresa nessa semana. O dia de beleza com direito a atendimento gratuito de cabeleireira, manicure e maquiagem.

A ação faz parte do projeto Grupo de Mulheres em Situação de Violência, desenvolvido do CREAS Bucarein. Com nove encontros programados, o trabalho do Grupo iniciou no último mês de abril e será concluído no final de maio. O objetivo é reunir mulheres que sofrem diferentes tipos de violência, oferecendo a elas informação e autonomia para que possam se fortalecer e romper o ciclo abusivo.

“Percebemos que as mulheres que integram o grupo têm baixa autoestima em função das dificuldades pelas quais estão passando. Realizamos esse dia de beleza para que elas se sintam mais empoderadas”, comenta a acadêmica de Serviço Social e estagiária da SAS, Dyorgia Bogo Pereira, idealizadora do projeto.

Nos encontros já realizados, as mulheres participaram de palestras com especialistas das áreas de saúde e direito que abordaram temas como métodos contraceptivos, dúvidas sobre sexualidade, a trajetória da mulher e a conquista de direitos, Lei Maria da Penha e autoconhecimento.

De acordo com a coordenadora do CRAS Bucarein, Sylvia de Pol Poniwas, as integrantes do Grupo de Mulheres em Situação de Violência são atendidas pelos técnicos da Unidade e, cada uma delas, possui um plano de acompanhamento familiar. Segundo ela, o projeto aproximou as usuárias e incentivou os técnicos a discutirem o tema violência sem tabu. Os resultados surpreenderam.

Carreteiro beneficente em prol da CVV Joinville

O Centro de Valorização da Vida de em Joinville que promove apoio emocional e de prevenção do suicídio, com atendimento gratuito precisa da ajuda da comunidade para continuar realizando o trabalho. Nesta quinta-feira acontece um carreteiro beneficente em prol da instituição. O evento será nesta quinta, 16 de maio, às 20 horas, no Toffanno's Eventos, rua Urussanga, 211 (fundos). O ingresso custa R$ 25 por pessoa e pode ser adquirido no local.

Só neste ano o CVV realizou cerca de 1.100 atendimentos por mês. Todo o atendimento é gratuito e sob sigilo pra quem precisa conversar no chat, e-mail e telefone 188, por 24 horas, todos os dias.

O evento também é uma forma de divulgar o trabalho do CVV, que está precisando de voluntários. “Como só temos 12 voluntários, aqui em Joinville, nossa grade é das 7 às 11 horas, todos os dias da semana, mas pretendemos aumentar esse horário de atendimento local”, explica Paloma Aizi, fundadora do CVV.

Deixe seu comentário:

Lisandra Oliveira

Lisandra Oliveira

Lisandra Oliveira

Lisandra mostra os bons exemplos de Joinville e região. As pessoas que se dedicam a melhorar o local onde vivem, que inspiram com ações que fazem a diferença na nossa comunidade.

lisandra.oliveira@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade