nsc
    nsc

    Queda na gasolina

    Preço da gasolina cai em Joinville durante o mês de dezembro

    Compartilhe

    Loetz
    Por Loetz
    28/12/2018 - 08h00
    Gasolina
    (Foto: )
    Por Mateus Martendel
    (Foto: )

    Os preços dos combustíveis em Joinville neste mês de dezembro tiveram queda de 2,43% no preço da gasolina comum com relação a novembro, conforme levantamento do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon).

    O menor preço praticado na cidade está na faixa de R$ 3,92 por litro, ante R$ 4,19 do mais caro. Isso significa que se o motorista pesquisar e optar por abastecer no local mais barato pode ter economia de até R$ 13,50 a cada 50 litros. A pesquisa considerou os 95 postos em atividade na cidade, que operam com preço médio de R$ 3,98 por litro de gasolina.

    Injeção econômica

    A Prefeitura de Jaraguá do Sul pagou nesta quinta-feira (27) os valores referentes às férias dos servidores públicos do Município. O recurso somado aos salários de dezembro e ao décimo terceiro para aproximadamente 3,8 mil funcionários injeta cerca de R$ 50 milhões na economia local, em um intervalo de 20 dias.

     

    Assistência à Saúde

    A população de São Bento do Sul, no Planalto Norte, vai iniciar 2019 podendo usufruir de melhores condições na área básica da Saúde. Está suprida parte importante da demanda local no bairro Cruzeiro, com a inauguração da ampliação e novo prédio da Unidade Estratégica da Saúde da Família (ESF 5).

    O empreendimento vai abrigar uma média de 548 consultas médicas por mês e mais de 800 atendimentos de enfermagem mensais. O investimento total da obra, entre estrutura física, mobiliário e equipamentos, é de R$ 494 mil.

    Hora de calcular

    Compras de natal
    (Foto: )

    Passado o Natal é hora dos lojistas fazerem as contas. A tendência é de saldo positivo no comércio e, para os mais otimistas, este deverá ser o melhor Natal para o varejo desde 2014 no Estado. Um indicador é a intenção de compras para a data, conforme pesquisa da Fecomércio-SC, que previa gasto médio 5,9% acima do registrado há quatro anos (R$ 486,80 por consumidor em Santa Catarina). Em Joinville, no entanto, fechado o balanço mais uma vez o público da cidade deve ser o mais econômico entre os maiores centros: as projeções anteriores ao Natal mostraram tíquete médio de R$ 310,09.

    No Brasil, o crescimento nas vendas para a data já registra o melhor desempenho desde 2014 e aumentou 2,66% com relação ao ano passado, conforme a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL). A previsão é de que a data tenha movimentado R$ 53,5 bilhões na economia, entre 4 e 24 de dezembro. Nos shoppings, segundo a Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop), o crescimento foi de 5,5%, e o e-commerce teve faturamento de R$ 9,9 bilhões no período natalino (Ebit/Nielsen).

    Dívida Pública

    O Tesouro Nacional divulgou o Relatório Mensal da Dívida Pública com dados de novembro. Os números mostram que, no mês passado, a Dívida Pública Federal, que considera os débitos do governo dentro do Brasil e no exterior, alcançou os R$ 3,82 trilhões. O saldo representa acréscimo de 1,69% perante outubro, quando a dívida era de R$ 3,76 trilhões.

    Chineses seguem investindo no Brasil

    Entre setembro e dezembro deste ano foram confirmados mais quatro projetos de investimentos chineses no Brasil, contemplando os setores de energia, indústria, peças automotivas e financeiro. O valor total das aplicações chega a US$ 1,3 bilhão, conforme relatório da Secretaria de Assuntos Internacionais do Ministério do Planejamento. De 2003 a 2018, a China investiu em 317 empreendimentos no País entre os projetos anunciados e confirmados, com valores totais de US$ 133,9 bilhões. Do total, 155 se confirmaram, o que se converteu em US$ 69,2 bilhões investidos.

    Otimização de recursos

    O Governo de Santa Catarina aponta para economia de cerca de R$ 10 milhões, em 2018, na gestão de projetas e obras estratégicas para o Estado. A redução de custos veio por meio de análises técnicas jurídicas e de engenharia nas licitações e em aditivos de obras do Pacto por Santa Catarina, coordenado pela Secretaria de Estado do Planejamento. Pelo programa foram investidos quase R$ 850 milhões em obras, entre elas, a duplicação da Avenida Santos Dumont, em Joinville, e a pavimentação da SC-477, em Papanduva.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas