Navegue por

publicidade

Loetz

Mercado

Troca de comando no Sinduscon

Compartilhe

Por Loetz
13/07/2018 - 04h45 - Atualizada em: 13/07/2018 - 04h44
(Rafael Richartz, Divulgação)

Em solenidade realizada na Expoville e prestigiada pelo setor e por autoridades, Vilson Buss (Construtora Rôgga) tomou posse na presidência do Sinduscon de Joinville. 

O setor atravessa dificuldades. Com raros lançamentos e queda na oferta de imóveis em razão da impossibilidade de se conseguir licenciar projetos no órgão ambiental, os empreendedores do setor – que é intensivo em mão de obra – naturalmente diminuiu a quantidade de empregos de forma expressiva. A retomada da economia, algo previsto só a partir do próximo ano, e a limitação de poder de renda da população são condicionantes para a melhoria do cenário.

 

Uber

O Uber vai adotar nova forma de remunerar os motoristas. Vai levar em conta o tempo e a distância percorrida na viagem. Esse formato vai favorecer quem trabalha em cidades com maior congestionamento ou com trânsito lento. O usuário continuará pagando o valor de acordo com o que marcar no momento em que for completada a chamada no aplicativo.

 

Veja também: Com empréstimo autorizado, Prefeitura de Joinville precisa aprovar licenciamento da Ponte Joinville

 

Mais movimento

A Infraero espera movimentação de 24 mil passageiros, entre embarques e desembarques, no Aeroporto de Joinville, dos dias 13 a 29 de julho, durante o período do Festival de Dança.

Desde 2008, a Infraero registra um aumento de 10% na movimentação de viajantes no terminal durante o mês de julho, em comparação com junho. Para recepcionar os visitantes, haverá apresentação de tango entre os dias 17 e 28.

  

Efeitos óbvios

A paralisação dos caminhoneiros teve impactos profundos no volume de vendas e na receita no mês de maio em Santa Catarina, conforme aponta a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), realizada pelo IBGE. O comércio varejista restrito catarinense apresentou queda de 4,2% em relação a abril, o maior recuo nesta comparação desde junho de 2015 (-4,6%). A receita nominal também caiu 2,5%. O Estado teve o pior resultado do país na passagem de abril para maio, empatado com Rondônia.

 

As contas

A situação financeira do Estado de Santa Catarina será tema de palestra do secretário de Fazenda, Paulo Eli, na segunda-feira, dia 16, na Acijs.

 

Resultado

A WEG vai divulgar o resultado do segundo trimestre na quarta-feira, dia 18.

 

Leia outras publicações de Loetz

Deixe seu comentário:

Cláudio Loetz

Loetz

Loetz

Claudio Loetz é um dos mais renomados colunistas de economia do Sul do Brasil. Com textos analíticos e informativos, é a principal fonte de informação para os interessados em negócios em Joinville e região.

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação