publicidade

Navegue por
Pedro

Cooperativismo

Ailos calcula distribuir mais de R$ 100 milhões em sobras para os cooperados

Compartilhe

Por Pedro Machado
21/02/2019 - 10h16 - Atualizada em: 21/02/2019 - 10h19
O Sistema Ailos encerrou o ano de 2018 com 704 mil cooperados (Foto: Divulgação)

Principal expressão do modelo cooperativista no Vale do Itajaí, o Sistema Ailos, formado por 13 cooperativas – a maior e mais famosa delas é a Viacredi –, encerrou 2018 com sobras brutas de R$ 292 milhões. Deste valor ainda serão descontados juros de capital e recursos destinados à reserva legal e ao Fundo de Assistência Técnica, Educacional e Social (Fates). A expectativa de momento da direção é que o retorno para os cooperados seja de aproximadamente R$ 112 milhões. Essa quantia ainda é preliminar e passará por auditoria.

Os recursos serão distribuídos entre 704 mil pessoas que integram o Sistema Ailos. O volume de associados, aliás, cresceu 14,3% no último ano. Foram 88 mil adesões apenas em 2018. A fatia a que cada um tem direito no bolo das sobras – como são chamados os resultados financeiros no modelo cooperativista, equivalentes ao lucro no modelo tradicional – é proporcional às movimentações e ao volume de cotas na cooperativa.

O Sistema Ailos fechou 2018 com mais de R$ 7,3 bilhões em recursos totais administrados, alta de 17% frente ao ano anterior. O saldo de depósitos somou R$ 5,1 bilhões, acréscimo de 15,8%. Já as operações de crédito evoluíram 19%, atingindo R$ 3,4 bilhões, e as receitas com produtos e serviços tiveram incremento de 27%. Somadas todas as cooperativas, o resultado econômico-social foi superior a R$ 1,2 bilhão.

Com 190 postos de atendimento em 71 cidades do Sul do país e mais de 3 mil colaboradores, o Sistema Ailos tem a ambiciosa meta de atingir um milhão de cooperados até o final de 2020. Para isso, aposta principalmente no que chama de vantagens do modelo cooperativista. Além das sobras representarem um dinheiro extra para os associados, as taxas cobradas em movimentações financeiras geralmente são mais em conta do que as praticadas pelo sistema tradicional de bancos.

Aliás

Em 2018, o Sistema Ailos fez investimentos de R$ 15,8 milhões e promoveu 5,4 mil eventos, totalizando quase 521 mil participações entre cooperados e comunidade.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação