publicidade

Pedro

Empresas

Fábrica de cristais de Blumenau vai receber novo aporte de investidores

Compartilhe

Por Pedro Machado
11/07/2019 - 14h00 - Atualizada em: 11/07/2019 - 14h00
Foto: Lucas Correia, BD

A empresa de cristais Mozart, de Blumenau, suspendeu a produção para reestruturar o negócio. Os funcionários foram desligados. O empresário Gabriel Vidigal, que liderou a montagem da fábrica e havia deixado a gestão, está retornando para o comando. E traz com ele um novo grupo de investidores – a maioria de fora de Santa Catarina – que vão comprar 60% das ações e aportar R$ 3,5 milhões, investimento destinado à operação

No mês passado, a coluna destacou que a empresa estava com salários atrasados. O passivo trabalhista, segundo Vidigal, foi zerado – essa era uma condição para os novos sócios entrarem na empresa. Ainda de acordo com ele, um novo modelo de negócio está sendo desenhado. Ele admite que a Mozart cometeu alguns erros no passado que comprometeram o fluxo de caixa e levaram a dificuldades financeiras.

Uma das novidades na retomada, promete, será a diversificação da produção. Além de taças e copos de cristal, a empresa planeja lançar uma linha de artigos e utilidades para o lar.

0,01%

Foi a variação da inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em junho, divulgou nesta quarta-feira o IBGE. A estagnação se deve à queda de preços nos grupos de alimentação e bebidas e transportes, que tem grande peso na formação do IPCA. No ano, o indicador acumula alta de 2,23%.

Balanço

A Cia. Hering divulga no dia 1º de agosto os resultados do segundo trimestre do ano.

Deixe seu comentário:

publicidade