publicidade

Navegue por
Pedro

Festa

Oktoberfest terá novas regras para a participação de cervejarias ciganas

Compartilhe

Por Pedro Machado
02/07/2019 - 11h42 - Atualizada em: 02/07/2019 - 11h44
Foto: Patrick Rodrigues, BD

A Oktoberfest deste ano terá mudanças nas regras para a participação das artesanais. As ciganas (aquelas que usam a estrutura de outras empresas para produzir seus rótulos) não poderão disputar os sete pontos de venda disponíveis na licitação que ainda será lançada. A ideia da organização é valorizar as cervejarias com fábricas próprias.

Isso não significa, no entanto, que essas “itinerantes” ficarão fora da festa. Elas poderão marcar presença no estande com o parceiro que produz a sua bebida, caso esse parceiro vença algum dos lotes e, claro, tope dividir o espaço. Também poderão disputar os pontos que eventualmente não despertarem interessados na primeira chamada.

Seguridade

O prefeito Mario Hildebrandt (sem partido) sancionou lei que abre um crédito adicional especial de R$ 4,18 milhões no orçamento do Instituto de Seguridade Social do Servidor de Blumenau (Issblu). O texto tramitou em regime de urgência na Câmara de Vereadores na última semana.

Energia

A Engie (ex-Tractebel) recebeu na sexta-feira da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorização para iniciar a operação comercial da Usina Termelétrica Pampa Sul, localizada na cidade de Candiota (RS). A estrutura, com capacidade instalada de 345 MW, usará como combustível para geração de energia carvão mineral de uma jazida do mesmo município.

Transação

A Whirlpool obteve, na última semana, aprovação final da Comissão Europeia para a venda da fabricante de compressores Embraco, com sede em Joinville, para a japonesa Nidec, líder em motores elétricos naquele país. A operação, anunciada em abril de 2018, envolve cifras de US$ 1,1 bilhão e deve ser fechada no início de julho.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação