nsc

publicidade

Pedro

Economia

Receita deixou de homologar R$ 387 milhões em compensações tributárias ao longo de 2018, em Blumenau

Compartilhe

Por Pedro Machado
23/03/2019 - 08h30
Foto: Divulgação

Da Redação

Em 2018, a Delegacia da Receita Federal do Brasil em Blumenau deixou de homologar R$ 387 milhões em compensações declaradas em Pedidos Eletrônicos de Restituição, Ressarcimento ou Reembolso e Declarações de Compensação (PER/DCOMP), formulários e Guias de Recolhimento do FGTS e de Informações à Previdência Social (GFIP).

Tratam-se de compensações tributárias feitas sem respaldo legal, de créditos inexistentes.

As compensações consideradas indevidas em PER/DCOMP foram de R$ 374,5 milhões, enquanto as identificadas em auditorias de GFIP foram de R$ 5,6 milhões e aquelas realizadas em pedidos em formulários, de R$ 6,9 milhões.

O montante total de compensações consideradas indevidas pela delegacia de Blumenau corresponde a 46,33% do total em Santa Catarina, que registrou R$ 835,4 milhões.

Deixe seu comentário:

Pedro Machado

Pedro Machado

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

pedro.machado@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade