nsc
nsc

Empresas

Vendas da Cia. Hering pela internet crescem 161% no terceiro trimestre

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
05/11/2020 - 09h38
Cia. Hering
Desempenho das lojas físicas, no entanto, ainda é afetado pela pandemia (Foto: Divulgação)

A Cia. Hering registrou, entre julho e setembro, alta de 161,2% nas vendas feitas pela internet, segundo balanço de resultados divulgado nesta quarta-feira (4). No período, as receitas da companhia com o e-commerce somaram R$ 49,7 milhões, o equivalente a 17% do faturamento, contra R$ 19 milhões verificados em 2019. Frente ao segundo trimestre de 2020, a alta foi de 24,4%.

​> Quer receber notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp? Clique aqui e entre no grupo do Santa

O desempenho positivo nesse segmento confirma uma aceleração no processo de transformação digital da Cia. Hering – um movimento comparado pela própria companhia ao do início dos anos 2000, quando o foco saiu da indústria e se voltou ao varejo –, mas não compensa as perdas com o as lojas físicas, base principal do modelo de negócio. 

Ainda sob os efeitos da pandemia, a receita bruta da companhia no trimestre foi de R$ 303,1 milhões, queda de 33% – patamar semelhante nas vendas para os mercados interno e externo – na comparação com o mesmo período do ano passado. A maior parte das lojas da rede está em shoppings, que ainda funcionavam com restrições de atendimento e horários no período.

O lucro líquido no trimestre totalizou R$ 155,5 milhões, aumento de 142,5% na comparação com o mesmo período de 2019. O resultado se deve à ação dos créditos presumidos de ICMS, fruto de vitória judicial, no valor de R$ 178,3 milhões.

Perspectivas

Segundo a Cia. Hering, as vendas online continuam em ritmo forte de crescimento, "reforçando a tese de mudança de patamar", anotou a companhia no balanço dos resultados. Em outubro, o e-commerce avançou 171,4% frente ao mesmo mês de 2019.

A companhia também destacou na divulgação dos números que um dos grandes desafios está relacionado à cadeia de suprimentos, diante de um cenário de inflação e escassez de matérias-primas. E que traçou um "minucioso plano de operação" para os principais eventos do último trimestre, como Black Friday e Natal.

Quer receber notícias e análises de economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região no seu celular? Acesse o canal do blog no Telegram pelo link https://t.me/BlogPedroMachado ou procure por "Pedro Machado | NSC" dentro do aplicativo.

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas