nsc
nsc

ESPORTES

O Figueirense e o jogo em Cuiabá

Compartilhe

Roberto
Por Roberto Alves
20/08/2019 - 03h00 - Atualizada em: 20/08/2019 - 14h46

Os atletas têm razão. Trabalham duro. Tem que receber seus salários. É o mínimo que uma empresa tem que fazer com seus empregados. Uma greve em qualquer segmento provoca a paralisação de máquinas com grandes prejuízos. No futebol o máximo que pode ocorrer é o time não entrar em campo. Mas até isso acontecer é preciso muita irresponsabilidade dos empregadores.

São responsáveis

Os jogadores do Figueirense já deram muitas demonstrações de responsabilidade e senso de profissionalismo. O descumprimento do contrato assinado entre o clube e a empresa que comando o futebol é flagrante. A situação ficou insustentável e mesmo assim os jogadores devem ir a campo nesta terça à noite em Cuiabá para honrar o nome do Figueirense. 

Sem entrevistas

Os jogadores embarcaram na esperança de ver algum dinheiro em suas contas. A ameaça na nota oficial divulgada domingo é séria. Há preocupação quando a ir a campo. Particularmente não acredito em WO. Não seria bom para o futebol catarinense, muito menos para o clube. Chega de humilhação. Nenhum entrevista no embarque. Não há líderes no movimento. Há muita união no grupo.

Éverton Santos

Em meio a toda essa turbulência de jogar ou não, falta de pagamento e até do cumprimento das cláusulas do termo de compromisso, a empresa que comanda o futebol alvinegro está trazendo Éverton Santos. É bom jogador, mas existem algumas questões: o que será que não estão pensando os demais atletas? O jogador já está chegando para fechar contrato. Não é barato, tem algum peso e o clube está devendo em todas as esferas. Não dá pra entender.

"Empresa que comanda o Figueirense está errando absurdamente"

Eu, particularmente, acredito que os jogadores vão entrar em campo, para manter a credibilidade. Mas há quem entenda o contrário: que se não cumprirem a ameaça, os jogadores perderiam a credibilidade. Essa empresa que comanda o futebol do Figueirense vem errando absurdamente, e deixando de lado essa grande instituição chamada Figueirense Futebol Clube.

Ouça o comentário para o Momento Esportivo desta terça-feira:

Deixe seu comentário:

Roberto Alves

Colunista

Roberto Alves

Referência por resgatar a memória do Esporte catarinense, fatos do dia a dia e pitorescos, misturando bom humor e seriedade na dose certa.

siga Roberto Alves

Últimas do colunista

Loading interface...
Roberto Alves

Colunista

Roberto Alves

Referência por resgatar a memória do Esporte catarinense, fatos do dia a dia e pitorescos, misturando bom humor e seriedade na dose certa.

siga Roberto Alves

Mais colunistas

    Mais colunistas