publicidade

Navegue por
Saavedra

Trânsito

Acesso ao Distrito Industrial continua em más condições

Compartilhe

Por Saavedra
09/01/2019 - 05h00 - Atualizada em: 09/01/2019 - 05h00
Acesso ao distrito industrial
(Foto: )

O tradicional mau estado de conservação continua no acesso pela BR-101 ao Distrito Industrial de Joinville. A estrada estadual precisa de recape, mas no máximo são feitos tapa-buracos de vez em quando. Depois de mais de um ano parada, a licitação para a duplicação foi concluída no mês passado pelo Estado, mas não há recursos – no máximo, como já vem dito há mais de um ano, tentativa de incluir a obra em financiamento junto ao BNDES. 

Sem dinheiro

A proposta vencedora da concorrência é de R$ 35,2 milhões, apresentada pela Infrasul. Com o novo governo alega que uma das prioridades é a recuperação emergencial das estradas estaduais, o acesso de Joinville terá de entrar na lista. Se for esperar pela duplicação, a buraqueira só vai aumentar porque as obras vão levar muito tempo para iniciar na rodovia.

O que falta

Nas duas outorgas aprovadas recentemente em Joinville, seja para construir acima do permitido pela Lei de Ordenamento Territorial ou para reaproveitar áreas que deixaram de ser cota 40, há necessidade de decretos detalhando como serão calculados os pagamentos. 

É para saírem logo.  

O que seria

“As estações da Cidadania não são apenas terminais de ônibus. Elas fazem parte do conceito de cidade policêntrica, reunindo em um local privilegiado serviços como lojas, bancos, restaurantes, lanchonetes e outros serviços, inclusive, futuramente, ligação online com a Prefeitura e todos os seus órgãos”.  Foi dessa forma que a Prefeitura de Joinville se referiu em 2000 aos terminais em instalação nos bairros – o terminal central também era considerado uma Estação da Cidadania. 

Decreto da lei dos aplicativos faz um ano em Joinville

Nesta quinta, completa-se um ano da edição do decreto pela Prefeitura de Joinville com os valores a serem pagos pelos aplicativos de transporte de passageiros pelo uso da estrutura viária. O cálculo seria com base na quilometragem percorrida. O decreto é consequência de lei anterior sobre regulamentação dos serviços em Joinville, precedida de intensas discussões na Câmara. No entanto, até hoje, não foi aplicada: um dos entraves seria uma ação judicial anterior que não permitiria tal enquadramento. Há recurso contra a decisão.]

Regulamentação

Em junho do ano passado, também virou lei em Joinville a adaptação à lei federal sobre os aplicativos. Também houve polêmica e foi retirada a possibilidade de criação futura, por decreto, de código disciplinar. Se tal dispositivo vier a ser lançado, somente por meio de lei específica.

Movimento foi recorde

O movimento no Norte da BR-101 foi recorde neste final de ano e início da temporada de verão. Em comparação ao ano anterior, o tráfego de veículos entre os dias 14 de dezembro de 2018 e 6 de janeiro de 2019, em levantamento feito a pedido da coluna, aumentou 5,3% em relação ao mesmo período do ano anterior. Foram utilizadas as praças de pedágio em Araquari e Garuva como referência, com passagem de 2,6 milhões de veículos. Nunca havia sido registrado tamanho movimento no trânsito no trecho da rodovia federal – a concessionária começou a medição em 2008, quando assumiu a rodovia. 

Convivência

Rodrigo Coelho se sente à vontade do PSB e mantém bom relacionamento com a direção do partido, sem reparo algum a fazer.

Futuro

A atuação no Conselho Estadual de Educação vai manter a ex-secretária Simone Schramm com atuação na área em 2019. 

Mathias

Ainda não está definido quando inicia a etapa da drenagem do rio Mathias na Visconde de Taunay. Agora, em tese, seria o momento do ano de menor movimento.

Deixe seu comentário:

Jefferson Saavedra

Saavedra

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

jefferson.saavedra@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação