publicidade

Saavedra

Pesquisa

Gasolina continua com preço em queda em Joinville 

Compartilhe

Por Saavedra
12/08/2019 - 09h30 - Atualizada em: 12/08/2019 - 09h30
(Foto: Salmo Duarte / A Notícia)

Na primeira pesquisa da ANP em agosto sobre preço dos combustíveis, mais uma vez Joinville registrou queda no preço da gasolina. No levantamento, com dados coletados no começo da semana passada, o preço médio do litro do combustível ficou em R$ 3,71. A agência fez a pesquisa em 21 postos da cidade. No início do mês passado, a ANP apurou preço médio de R$ 3,81 em Joinville. No começo de junho, ficou em R$ 3,92. Ou seja, em apenas dois meses, o litro da gasolina recuou em 21 centavos, em média. A concorrência entre os postos ajudou na queda, assim como a redução dos preços nas distribuidoras.

No início do mês, houve redução na base do cálculo do ICMS – caiu o valor do litro, o parâmetro utilizado como referência para a definição do tributo – mas não em proporção capaz de alteração significativa. A pesquisa da Agência Nacional do Petróleo também mostrou que a alta de 4% na gasolina, anunciada em 1º de agosto, ainda não provocou impactos em Joinville. Mas houve sensível avanço no preço médio praticado no País.

Indenização após incêndio

Em decisão em primeira instância, portanto, a ser motivo de recurso, a Celesc foi condenada a pagar indenização por danos morais e ressarcir os prejuízos provocados por incêndio ocorrido em residência no início da década, em Joinville. Houve perícia judicial. No dia do incidente, houve suspensão no fornecimento de energia por causa de sobrecarga.

Restauração do cemitério

Em manifestação referente à solicitação da Prefeitura de Joinville, o Iphan cita não ter orçamento nem obrigação legal de fazer a restauração do Cemitério do Imigrante. A administração do cemitério da Comunidade Evangélica de Joinville é feita pela Prefeitura. A ação do MPF de 2015, em análise pela Justiça Federal (com liminar negada em 2016), cobra o restauro do cemitério pela Prefeitura e Iphan caso a comunidade não tenha recursos. O instituto lembrou já ter feito o projeto e a captação de recursos para a restauração do Museu Nacional da Imigração e Colonização. O Iphan recordou ainda ter feito o projeto de restauro dos jazigos do cemitério, mas a Prefeitura não conseguiu captar os recursos. 

Deixe seu comentário:

Jefferson Saavedra

Saavedra

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

jefferson.saavedra@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade