publicidade

Saavedra

Duplicação

Início das obras no Eixo Industrial depende da ampliação da licença ambiental em Joinville

Compartilhe

Por Saavedra
19/07/2019 - 08h00 - Atualizada em: 19/07/2019 - 08h00
(Foto: Salmo Duarte / A Notícia)

O início das obras de duplicação do eixo industrial em Joinville está na dependência de ampliação da licença ambiental para a derrubada de vegetação. A modalidade do licenciamento poderia permitir análise municipal, mas é possível que fique com o IMA. Em relação à contratação de consultoria para a supervisão dos trabalhos, a licitação está sendo preparada. 

A duplicação das estradas Hans Dieter Schmidt e Edgar Meister está estimada em R$ 40 milhões. O tema foi tratado em encontro do governador Carlos Moisés com o prefeito Udo Döhler e o presidente da Acij, João Martinelli, durante encontro na abertura Festival de Dança de Joinville. Não há prazo ainda para o início da obra cobrada desde a década passada.

Mantidas

A assinatura pelo presidente Bolsonaro de medida provisória de manutenção de servidores cedidos à Defensoria Pública da União afastou o risco de fechamento de unidades – a de Joinville estava entre as ameaçadas.

Menor

Das 15 mil pessoas estimadas para fazer o saque do FGTS por causa dos alagamentos de março, apenas 6 mil buscaram a liberação. A baixa procura foi relatada pela Prefeitura. 

São Chico

Mais uma vez, a passarela e os deques de madeira das praias de Ubatuba e Itaguaçu, em São Francisco do Sul, foram alvo de vandalismo em São Francisco do Sul. A instalação atendeu à determinação judicial de preservação das restingas. 

Deixe seu comentário:

Jefferson Saavedra

Saavedra

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

jefferson.saavedra@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade