nsc
nsc

publicidade

Nova Cosip tem dia decisivo na Câmara de Joinville

Compartilhe

Saavedra
Por Saavedra
22/10/2019 - 08h05

O futuro do projeto da volta da cobrança da Cosip pela testada tem um dia decisivo nesta terça: o presidente da comissão de Legislação e líder do governo, Richard Harrison, quer colocar a proposta da Prefeitura em votação hoje, na comissão. O vereador pretende apresentar uma emenda para definir melhor o conceito de eletrodependente (há previsão de isenção até determinada faixa para quem depende de aparelho elétrico para tratamento de saúde).

Para Richard, o projeto só precisa dessa adequação, sem necessidade de outras mudanças. “Vamos ver se a oposição vai votar a volta da testada”, provoca o líder do governo. Depois da Legislação, a proposta precisa passar pela comissão de Finanças antes de ir ao plenário. O novo modelo passa a ser cobrado 90 dias após a publicação da lei. Os vereadores da oposição têm defendido a volta da testada, ainda antes da base governista, mas têm alertado sobre alegados equívocos no projeto enviado pela Prefeitura. Ainda ontem, Maurício Peixer (PL) voltou a alegar a preocupação de problemas futuros se o projeto for aprovado do jeito que está. Uma das questões é sobre a previsão de receita da Cosip.

Deixe seu comentário:

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade