nsc

publicidade

Saavedra

Concorrência

Quatro empresas se habilitam para recuperar rua Prudente de Moraes em Joinville

Compartilhe

Por Saavedra
09/08/2019 - 10h00
(Foto: Salmo Duarte)

Quatro empresas se habilitaram na concorrência para a recuperação da rua Prudente de Moraes, em Joinville. Agora, há o prazo para recursos. As obras devem iniciar em setembro, com previsão de asfaltamento em toda a via, hoje coberta com paralelepípedos. Também nesta semana, quatro empreiteiras se cadastraram no edital para a pavimentação da Estrada Timbé, ao Norte de Joinville. 

O governo do Estado anunciou que disponibilizaria R$ 3,9 milhões, em um convênio com a prefeitura – responsável por viabilizar mais R$ 1,6 milhão, totalizando R$ 5,5 milhões para a reabilitação – em 21 de fevereiro de 2018, pelo então governador Eduardo Pinho Moreira (MDB), em reunião na Associação Empresarial de Joinvill (Acij). O convênio foi assinado em 10 de maio do mesmo ano.

Na geladeira

Ainda que não tenha ido adiante o projeto da Prefeitura de Joinville para permitir a cobrança de taxa (preço público) pelo uso da malha viária pelas operadoras de transporte de passageiros, o pessoal dos aplicativos vai tentar rever a lei do setor na cidade. Claro que os motoristas continuam contra a cobrança, mas querem adequações na legislação municipal para atender à lei federal de regulamentação. Já a proposta da Prefeitura da cobrança continua na Câmara, mesmo que esteja em movimentação. 

O novo “bairro”

A Secretaria de Habitação de Joinville ainda tem esperança de que seja construído o Residencial José de Alencar, na zona Sul. O loteamento, com 5 mil moradias, foi apresentado por empresa no início do primeiro mandato de Udo, mas acabou não saindo do papel por uma série de motivos. O residencial tinha planos para atender quase 15 mil pessoas, se transformando em um novo bairro de Joinville. Há contatos a serem retomados. 

Nova ação

A demora em consultas na especialidade de oftalmologia levou o Ministério Público de Santa Catarina a ingressar com a ação judicial contra a Prefeitura de Joinville e o governo do Estado. O inquérito civil que motivou a ação foi aberto em 2015, com a 15ª Promotoria de Justiça, tentando, sem sucesso, acordo extrajudicial.

Progressivo

O decreto de aplicação do IPTU progressivo foi alterado em Joinville e agora será a Secretaria do Planejamento Urbano e não mais a Secretaria da Fazenda a notificar os donos de terrenos baldios ou subutilizados que se enquadram no progressivo. 

Lista

A Câmara de Joinville tem hoje 523 projetos em tramitação.

Deixe seu comentário:

Jefferson Saavedra

Saavedra

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

jefferson.saavedra@somosnsc.com.br

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade