nsc

publicidade

EM 57 UNIDADES

Saiba em quais CEIs ainda estão disponíveis 1,5 mil vagas para a educação infantil em Joinville

Compartilhe

Saavedra
Por Saavedra
18/11/2019 - 11h35
Mesmo com matrículas disponíveis, ainda há déficit de vagas na educação infantil em Joinville (foto: Arquivo AN)
Mesmo com matrículas disponíveis, ainda há déficit de vagas na educação infantil em Joinville (foto: Arquivo AN)

A Secretaria de Educação de Joinville divulgou listagem com 1.501 vagas disponíveis em centros de educação infantil na cidade. Há possibilidade de matrículas em 57 unidades, tanto em período integral quanto parcial. As vagas estão disponíveis em berçário 1 e 2 e maternal 1 e 2 – são divisões por conta de faixas etárias. Os pais interessados nas vagas para os filhos devem fazer a alteração no cadastro online ou procurar a Secretaria de Educação ou mesmo os CEIs. Em 2020, a secretaria municipal espera oferecer perto de 23 mil matrículas, entre as vagas da rede própria e as contratadas junto às instituições comunitárias e privadas. Confira as vagas disponíveis, divulgadas no site da Prefeitura de Joinville.

O fato de existirem 1,5 mil vagas ainda disponíveis não significa que está sendo atendida toda a demanda na educação. O déficit ocorre porque há famílias que não conseguem vagas em período integral, no turno desejado (matutino ou vespertino) ou na região pretendida. No ano de 2019, a fila da educação infantil tinha 5,3 mil crianças à espera da vaga. O atual fila ainda está sendo atualizada.

Deixe seu comentário:

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

Jefferson Saavedra

Colunista

Saavedra

Jefferson Saavedra traz análises e notícias exclusivas dos assuntos mais relevantes do Norte catarinense, com foco nos bastidores de todos os temas que envolvem especialmente Joinville e região, como política, segurança, mobilidade, saúde e educação.

siga Saavedra

publicidade

publicidade

Mais colunistas

publicidade

publicidade