nsc
    nsc

    Dados

    Trabalho por conta própria tem avanço recorde em Joinville

    Compartilhe

    Saavedra
    Por Saavedra
    01/01/2020 - 07h30 - Atualizada em: 01/01/2020 - 13h25
    Joinville conta hoje com 35,6 mil microempreendedores, divididos em 336 atividades diferentes (foto: Arquivo AN)
    Joinville conta hoje com 35,6 mil microempreendedores, divididos em 336 atividades diferentes (foto: Arquivo AN)

    O número de microempreendedores individuais em Joinville deu um salto em 2019, com a criação de mais 7,4 mil cadastros. Dessa forma, ao final do ano, a cidade conta com 35,6 mil MEIs. O resultado de 2019 foi recorde em Joinville em números absolutos desde a criação do programa, há dez anos. Em período recente, o maior crescimento ocorreu há dois anos, com 4,4 mil novos MEIs em 12 meses.

    O avanço dos registros acima da média de anos anteriores se repetiu em boa parte do País ao longo de 2019. As causas do fenômeno são variadas, desde alternativa ao desemprego até crescente formalização na prestação de serviços, passando pela maior presença dos aplicativos e a busca de renda extra.

    O faturamento do MEI é limitado a R$ 81 mil por ano ou R$ 6.750 por mês. O microempreendedor pode ter no máximo um empregado. A contribuição mensal a ser paga gira entre R$ 49, 90 a R$ 55,90, dependendo da atividade exercida.

    Em Joinville, os MEIs se dividem na atuação em 336 atividades diferentes. Com mais de mil registros (cada) na cidade, estão o comércio varejista de vestuário e acessórios, cabeleireiros, vendas, obras de alvenaria e instalação elétrica.

    No mercado de trabalho formal, Joinville criou 8,5 mil vagas até novembro, um bom resultado, mas abaixo do registrado no mesmo intervalo no ano passado, quando surgiram 10,4 mil novos empregos.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas