nsc
an

Pandemia

82ª Festa das Flores de Joinville é adiada para 2022

Programação especial com eventos voltados aos amadores e admiradores está sendo construída pela AJAO

31/05/2021 - 19h21 - Atualizada em: 31/05/2021 - 19h36

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Festa das Flores de Joinville
Festa das Flores de Joinville
(Foto: )

A 82ª edição da Festa das Flores de Joinville foi adiada para 2022. A decisão de remarcar o evento foi tomada em conjunto pela Prefeitura de Joinville e a Agremiação Joinvillense de Amadores de Orquídeas (AJAO), entidade que organiza a festa. Em 2020, o evento estava marcado para novembro, mas também foi cancelado devido à pandemia.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

De acordo com o presidente da AJAO, Jacson Lucio Zandonai, apesar de todo esforço investido pela equipe de organização nos últimos meses no planejamento do evento, foi preciso prorrogar a data por uma série de fatores que inviabilizariam o tradicional evento joinvilense.

- O cenário atual ainda é preocupante e não podemos comprometer os negócios dos nossos expositores. Assim, preservarmos a sustentabilidade da cadeia produtiva, bem como a saúde e o bem-estar de nossos agremiados, convidados, expositores, visitantes, colaboradores, fornecedores, parceiros envolvidos e, por consequência, as suas respectivas famílias - pontua Zandonai. 

Ainda assim, uma programação especial com eventos voltados aos amadores e admiradores de flores e plantas está sendo construída pela AJAO e deve ser divulgada em breve. 

- Estamos preparando uma série de eventos durante o ano, desde oficinas de cultivo de orquídeas, mutirões voluntários de plantio, amostra e exposições das flores em parcerias com outros eventos. A intenção é continuar a fortalecer a nossa responsabilidade social, cultural e turística com a cidade - pontua o presidente da AJAO.

A Secretaria de Cultura e Turismo de Joinville é parceira da AJAO na realização da Festa das Flores e na construção de um calendário paralelo de eventos neste ano.

- Foi a forma que encontramos, neste momento, de garantir a continuidade das ações, reforçando a vocação de Joinville como Cidade das Flores, bem como zelando pela segurança dos participantes - informa o secretário Guilherme Gassenferth.

> 38º Festival de Dança de Joinville é adiado para outubro com formato híbrido

Semear e florescer: uma festa octogenária

Até 2020, a realização da Festa das Flores só tinha sido interrompida durante a Segunda Guerra, nos anos de 1942 e 1943. No ano passado, o evento foi cancelado pela pandemia. A iniciativa nasceu em 1936 com o nome de Exposição de Flores e Arte Domiciliar (EFA) e foi criada por apaixonados pelas orquídeas nativas.

De lá para cá, o evento cresceu e se consolidou como um dos mais importantes do gênero no país. Além da tradicional exposição das flores, a Festa ainda tem como atrações concursos de jardins e orquídeas, oficinas de cultivo, mercado de plantas, feira multissetorial, gastronomia e apresentações culturais. 

O evento é um dos que mais atrai turistas e público para Joinville. Pela grandiosidade e longevidade, a Festa das Flores é reconhecida como Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural do Estado de Santa Catarina, por meio de Lei Estadual, além de ser Festa Oficial de Joinville, instituída por Lei Municipal.

Leia mais:

> Joinville inicia vacinação de moradores de rua contra Covid

> Após 22 anos de início de ação judicial em Joinville, Vigorelli terá novo acordo para regularização

> Fisioterapeuta internada na UTI com Covid-19 tem reencontro emocionante com a família; veja vídeo

Colunistas