nsc
    dc

    publicidade

    Catarinense

    "A vitória do Tubarão não é absurdo", reconhece o técnico do Avaí

    Leão sofre a virada e cai para a quinta colocação no Estadual

    26/03/2018 - 05h25

    Compartilhe

    Por Redação NSC
    (Foto: )

    "O empate seria bom, mas a vitória do Tubarão não é absurdo, pelo volume de jogo e chances criadas". A frase do técnico Claudinei Oliveira resume o desempenho do Avaí na 16ª rodada do Campeonato Catarinense 2018. Na noite de domingo, o Leão saiu na frente do Peixe, mas viu David Batista marcar os gols que decretaram o 2 a 1, no Domingos Gonzales. Apesar do resultado negativo, o treinador azurra enalteceu a vontade apresentada pelo elenco diante de um gramado encharcado.

    – Enaltecer a vontade dos meninos. Disposição, correram, batalharam. Infelizmente não foi a estreia que o Fabian e o Gustavo queriam. O Avaí é o time com mais jogadores jovens, esse ano estreamos cinco, seis jogadores. Nesse sentido o trabalho está sendo bem feito. Agora pensar na Copa do Brasil e na Série B – falou Claudinei.

    O comandante do Leão, porém, se mostrou descontente com a atuação do árbitro Richard Werner Floter. Foram dois pênaltis anotados para o Tubarão - um deles o goleiro Aranha defendeu - e um lance bastante contestado pelo Avaí, no segundo tempo, quando Getúlio ficaria de frente para o goleiro Belliato.

    – De negativo ficou aquele lance do contra-ataque do Getúlio, que o árbitro nem amarelo deu. Eu acho que era para vermelho. Não estou transferindo para o Richard, que sempre tenta o melhor, mas para um jogo que está em disputa a terceira colocação, não dá para fazer experiência com árbitro. Tem que colocar melhor para apitar – disse o treinador.

    Com a derrota, o Avaí caiu para a quinta colocação, com 22 pontos. O Leão foi ultrapassado por Joinville, que venceu o Concórdia, e pelo próprio Tubarão, que somam 24 e 23 pontos, respectivamente. O Leão volta a campo na quarta-feira, às 21h45min, quando recebe o Brusque, na Ressacada.

    Confira a tabela do Catarinense 2018

    Leia mais notícias sobre o Catarinense 2018

    Deixe seu comentário:

    publicidade

    publicidade

    publicidade

    publicidade