publicidade

Cotidiano
Navegue por

Mudança

Aeronave Arcanjo deve deixar Chapecó 

Avião atua em convênio dos Bombeiros com Secretaria de Saúde

24/05/2019 - 18h11

Compartilhe

Darci
Por Darci Debona
Arcanjo atendeu 94 pessoas em um ano
Aeronave Arcanjo 4 pode deixar base no Aeroporto Serafim Enoss Bertaso, em Chapecó
(Foto: )

O avião Arcanjo 4, que foi instalado na base Oeste, no aeroporto municipal Serafim Enoss Bertaso, em Chapecó, em junho do ano passado, deve passar atender apenas a partir de Florianópolis. Atualmente ele fica três dias no Oeste e três dias na capital.

A secretaria de Saúde do Estado já emitiu nota reconhecendo que a mudança está sendo avaliada:

“Há um estudo que está sendo feito na Secretaria da Saúde quanto a necessidade estadual das aeronaves de asa fixa. Existe a possibilidade, sim, de que a base de Florianópolis receba o avião lotado em Chapecó, obedecendo noções da política de voo. Lembra-se que o convênio é entre a Saúde e o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina e que se respeita a tecnicalidade e a necessidade estadual. Igualmente, a asa fixa atende toda Santa Catarina – transportando pacientes de um município a outro, conforme a urgência. Isto não mudará.” – diz a nota.

Em quase um ano a aeronave já fez 300 horas de voo e atendeu 94 pessoas.

O coordenador médico do Arcanjo, Bruno Quércia, disse que entre as questões avaliadas estão as más condições climáticas do aeroporto de Chapecó no inverno.

- Nessa quarta-feira tivemos uma solicitação de transferência de um recém-nascido de Balneário Camboriú para Xanxerê e não foi possível devido à chuva em Chapecó. Enquanto isso no litoral o tempo estava bom. Estando aqui a aeronave pode atender todo o estado – afirmou.

Ele afirmou que a antiga aeronave que ficavam na capital, não cumpria mais os critérios necessários para o serviço e por isso foi desativada.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação