O Índice de Custo de Vida (ICV) de Florianópolis, calculado pela Udesc/Esag, teve alta de 0,30% em outubro. Os dois grupos que puxaram a alta da inflação foram alimentação e bebidas (0,74%), e transportes (0,46%). O índice acumulado nos últimos 12 meses subiu para 5,66%.

Continua depois da publicidade

Siga as notícias do NSC Total pelo Google Notícias

Os alimentos tiveram alta de 0,74% em outubro, concentrada nos produtos comprados em feiras e supermercados para consumo em casa. Esses itens subiram 1,26%. Já em relação às refeições feitas fora de casa, praticamente não houve alteração média nos preços (variação de -0,01%).

No grupo de alimentos, os maiores aumentos foram os dos tubérculos, raízes e legumes (13,11%). As frutas também tiveram alta forte (11,65%).

Veja itens que ficaram mais caros

Continua depois da publicidade

Os maiores aumentos foram os dos tubérculos, raízes e legumes (13,11%), com destaque para a cebola de cabeça (38,6%) e batata inglesa (22,9%). As frutas também tiveram alta forte (11,65%). As que mais subiram foram o morango (30,1%), melancia (24,2%), mamão (20,3%) e maçã (11,4%).

Mesmo com a queda nos preços dos combustíveis (-0,58%), o grupo de preços ligados aos transportes teve alta de 0,46% em outubro. O índice foi puxado para cima, principalmente pelo preço das passagens aéreas, que subiram 13,2%. Como os transportes correspondem a mais de 20% do consumo das famílias, o impacto é significativo.

Além de alimentação e transportes, houve alta em outubro nos grupos de preços pesquisados ligados à habitação (0,31%, puxado pela alta de 1% no gás de cozinha), despesas pessoais (0,80%) e educação (0,21%). Houve queda nos artigos de residência (-0,35%), vestuário (-0,35%) e saúde, e cuidados pessoais (-0,42%). Os serviços de comunicação permaneceram com os preços estáveis.

Sobre o ICV

O ICV/Udesc Esag registra a variação dos preços de 297 produtos e serviços consumidos por famílias de Florianópolis com renda entre 1 e 40 salários-mínimos. Para o último boletim mensal, os dados foram coletados entre os dias 1º e 31 de outubro.

Continua depois da publicidade

Leia também

Pequena cidade de SC é a melhor do Brasil para viver após os 60 anos

Livrarias de SC usam criatividade para desviar de crise do mercado

A história dos três amigos que fundaram uma gigante da tecnologia em SC

Publicidade

Além de muita informação relevante, o NSC Total e os outros veículos líderes de audiência da NSC são uma excelente ferramenta de comunicação para as marcas que querem crescer e conquistar mais clientes. Acompanhe as novidades e saiba como alavancar as suas vendas em Negócios SC

Destaques do NSC Total