nsc
    santa

    VALE DO ITAJAÍ

    Alta de casos de coronavírus faz médicos cancelarem evento em Blumenau

    Aumento chamou a atenção da Sociedade Brasileira de Hérnia, que preferiu adiar o encontro para 2021

    11/11/2020 - 12h56

    Compartilhe

    Bianca
    Por Bianca Bertoli
    Nesta terça-feira Blumenau confirmou mais 362 infectados
    Nesta terça-feira Blumenau confirmou mais 362 infectados
    (Foto: )

    Um evento médico que aconteceria na semana que vem em Blumenau foi cancelado devido ao aumento no número de casos de coronavírus. A reunião presencial, promovida pela Sociedade Brasileira de Hérnia (SBH), discutiria os melhores tratamentos para as hérnias da parede abdominal. 

    > Quer receber as notícias de Blumenau e região via Whatsapp? Entre no grupo do Santa.

    De acordo com a nota publicada pela SBH, quando decidiram realizar o encontro, “o cenário mostrava redução significativa nos números de casos e as regulamentações municipais e estaduais autorizavam a realização de tais eventos”. 

    Agora, a diretoria da Sociedade e os organizadores locais notaram uma tendência de crescimento no número de casos. Por isso, o evento foi cancelado.

    A Jornada Regional Sul seria o primeiro encontro médico presencial de 2020 realizado pela SBH e discutiria a queda de 51,4% no número de cirurgias de hérnia da parede abdominal pelo SUS em 2020. Uma nova data será agendada em 2021.

    Aumento de casos

    A média móvel de novos casos de coronavírus em Blumenau — total dos últimos sete dias, dividido por sete — chegou no início desta semana ao maior número em três meses. Com a aceleração da pandemia na cidade, a Secretaria de Saúde vem registrando uma média de 213,7 diagnósticos positivos a cada 24 horas, algo que não acontecia desde 2 de agosto, quando o município ainda enfrentava o rescaldo do primeiro pico da Covid-19.

    Além disso, a cada 100 blumenauenses testados para coronavírus em Blumenau nos primeiros 10 dias de novembro, 42 receberam diagnóstico positivo. É a maior proporção já registrada na cidade desde o início da pandemia. No mês de julho, quando houve o pico de casos e mortes por Covid-19, 38% dos testes deram positivo.

    Nesta terça-feira (10) a prefeitura confirmou mais 362 novos infectados. São 1.504 pessoas em tratamento ou isolamento. Há 20 internadas em leitos de UTI e 45 em enfermaria. A cidade registra 165 mortes por Covid-19. 

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas