nsc
hora_de_sc

Retorno

Aos 45 anos, Angélica estreia novo programa na Globo 

Sob direção de Boninho, apresentadora deve trazer questionamentos e a busca da sociedade por novas definições 

26/12/2018 - 13h20

Compartilhe

Por GaúchaZH
Fim do "Estrelas" e estreia do novo programa marcam maior período de Angélica longe da televisão
(Foto: )

Afastada da televisão desde abril, quando encerrou o Estrelas, a apresentadora Angélica se prepara para um novo desafio. Em 2019, ela apresentará um programa na Globo, inspirado nela mesma: uma mulher em uma busca de novos desafios.

— O programa reflete o meu momento atual: uma mulher de 45 anos que tem uma família, uma profissão e vive num mundo onde as pessoas precisam repensar os seus valores. A ideia é que, junto comigo, os espectadores descubram os seus propósitos. Estou vivendo essa busca. É um programa necessário, especialmente para mim — disse a apresentadora, em entrevista ao jornal O Globo.

Ainda sem nome divulgado, o novo programa mistura plateia e entrevistados e será dirigido por José Bonifácio de Oliveira, o Boninho. Com previsão de estreia somente entre março e abril de 2019, o trabalho marca o retorno de Angélica após um ano distante da TV. Foi o período mais longo em que ficou longe das câmeras. O Estrelas permaneceu 12 anos no ar, sendo que boa parte do programa foi destinado às entrevistas com celebridades. A outra, mais curta e recente, buscou histórias de pessoas comuns que fazem a diferença na sociedade. Uma das edições foi gravada em Porto Alegre.

Atuando na televisão desde pequena — aos quatro anos ganhou o concurso A Criança Mais Bonita do Brasil, do programa do Chacrinha e aos 14 virou fenômeno com o hit Vou de Táxi —, Angélica diz que está aproveitando o intervalo longe dos holofotes. Não tem pressa de voltar.

— Ainda não tenho saudades de estar no ar. Muito sincera, né? Mas estou bem. E acho fofo quando as me encontram na rua e perguntam quando vou voltar — disse.

Colunistas