nsc

publicidade

Economia

Após março negativo, contratações voltam a crescer durante abril em SC  

Saldo de emprego formais fechou em 6,4 mil, apontam dados do Caged divulgados nesta sexta-feira 

24/05/2019 - 16h01

Compartilhe

Larissa
Por Larissa Neumann
Desempenho entre os meses de abril foi o melhor desde 2014
Desempenho entre os meses de abril foi o melhor desde 2014
(Foto: )

O saldo de empregos formais em Santa Catarina voltou a ficar no azul em abril depois de março com resultados negativos. Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta sexta-feira (24) pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, mostram que as contratações (87,9 mil) superaram as demissões (81,5 mil) no período. Com isso, o Estado fechou o mês com 6,4 mil postos de trabalho.

Santa Catarina soma 277 mil pessoas desempregadas, segundo o IBGE Para SC, abril de 2019 foi o mês com melhor desempenho desde abril de 2014, quando SC registrou saldo de 6,7 mil empregos. No acumulado do ano, de janeiro a abril, o saldo para o Estado também é positivo: 49,9 mil postos de trabalho, resultado de 392,6 mil admissões contra 342,7 mil demissões.

O setor de serviços, apesar de ter sido o que que mais demitiu, também foi o que mais contratou ao longo de abril, fechando o mês com saldo positivo de 3 mil empregos com carteira assinada. Já a atividade no campo foi a que amargou o pior resultado. Segundo o Caged, a agropecuária terminou o quarto mês do ano com saldo negativo de 1,5 mil postos de trabalho.

Entre as cidades com maior saldo entre admissões e contratações, Joinville, no Norte do Estado, lidera com saldo de 886 vagas. Em seguida, aparecem São José (836), Criciúma (578) e Chapecó (540). Já entre as cidades com pior desempenho, Fraiburgo lidera com fechando de 337 vagas.

Melhor abril desde 2013 no país

No mesmo período, o Brasil registrou a abertura de 129.601 novas vagas de emprego com carteira assinada. Foram 1.374.628 admissões contra 1.245.027 desligamentos. Este foi o melhor resultado para abril desde 2013.

Na época, o Caged registrou a criação de 196.913 vagas. Este é o terceiro ano consecutivo com saldos positivos e crescentes no mês. O número, segundo o governo, reflete a recuperação do contingente de empregos formais em abril desde 2017. No acumulado do ano, de janeiro a abril, foram gerados 313.835 postos de trabalho e o estoque de empregos chegou a 38,7 milhões.

Deixe seu comentário:

publicidade