nsc
dc

Violência

Autor de feminicídio em Irani está preso em Concórdia 

Ex-marido se apresentou para a Polícia Civil e foi detido por haver mandado de prisão temporária

22/11/2019 - 11h42 - Atualizada em: 22/11/2019 - 13h08

Compartilhe

Darci
Por Darci Debona
Ex-marido assumiu crime
Odacir Deola (e) se apresentou para a polícia acompanhado do advogado de defesa
(Foto: )

O autor do feminicídio de Karina Cavalli, ocorrido no domingo, em Irani, está detido desde a quinta-feira à tarde no Presídio de Concórdia. Odacir Deola, 61 anos, ex-marido da vítima, se apresentou ao delegado Rodrigo Taques, da Polícia Civil de Concórdia. Ele não deu depoimento, dizendo que somente vai falar em juízo. Como havia um mandado de prisão temporária ele foi encaminhado ao presídio.

O advogado de defesa, Leandro Bernardi, disse que seu cliente assumiu o crime.

- Ele não nega a autoria mas só vai falar sobre o ocorrido em juízo. Ele fugiu do flagrante pela situação mas orientado pela defesa concordou em se apresentar de forma voluntária. É um cidadão de bem que trabalha há nove anos como motorista na mesma empresa e tem endereço conhecido. Aguardo o posicionamento da justiça para tomar as medidas necessárias – explicou o advogado.

A prisão temporária é válida por cinco dias e Deola pode sair da prisão se não for decretada a prisão preventiva. Se isso ocorrer a defesa vai entrar com um pedido de revogação.

Durante a apresentação alguns familiares da vítima foram até a delegacia de Concórdia para protestar contra o crime e pedir justiça.

Deola matou a ex-mulher a golpes de facão,na casa da ex-sogra, no bairro Nossa Senhora Aparecida. A suspeita é de que ele não aceitava o fim do relacionamento.

A polícia ainda não encontrou a arma do crime e deve fazer buscas nesse sentido.

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Polícia

Colunistas