nsc
    dc

    Força-tarefa

    Blitz interdita pelo menos duas casas noturnas nesta quinta-feira em Caxias do Sul

    Até as 23h30min, Cassino Royale e Boca D'oro haviam sido fechadas

    07/02/2013 - 21h14 - Atualizada em: 08/02/2013 - 05h59

    Compartilhe

    Por Redação NSC
    Interdições foram sinalizadas por adesivos colados na porta dos empreendimentos
    Interdições foram sinalizadas por adesivos colados na porta dos empreendimentos
    (Foto: )

    Uma blitz integrada interditou pelo menos duas casas noturnas na noite desta quinta-feira, em Caxias do Sul. O Cassino Royale e a Boca D'oro foram fechados por problemas no Alvará de Licença para Localização e no Alvará de Proteção. A blitze ocorre quase duas semanas após a tragédia que matou mais de 200 jovens na boate Kiss, em Santa Maria.

    A primeira casa interditada foi a Cassino Royale. O empreendimento estava com o Alvará de Proteção, emitido pelos Bombeiros, vencido. Para renovar, será preciso abrir duas saídas de emergência e apresentar laudos elétrico e de isolamento acústico. Também havia problema no Alvará de Licença para Localização.

    Segundo o coordenador da fiscalização noturna da Secretaria do Urbanismo, Rodrigo Lazzarotto, a casa tem alvará para bar e lancheria, mas é preciso registro como boate. Além disso, a casa dispõe de área reservada para encontros, o que é proibido.

    A segunda casa interditada na noite desta quinta-feira foi a Boca D'oro, por motivos semelhantes. Além do Alvará de Proteção vencido, o empreendimento tem Alvará de Licença para Localização, mas conta com salas reservadas, também proibidas, explica Lazzarotto.

    Antes das duas interdições, a blitze visitou outros empreendimentos. O primeiro foi o Portal Bowling, que já estava interditado e segue com as portas fechadas até realizar adequações, como a instalação de barra anti-pânico em uma porta de emergência e a altura dos extintores de incêndio. Mississippi Dela Blues, Boteco 13, Havana Café foram vistoriados no início da noite.

    Outras casas seriam visitadas entre a noite desta quinta e a madrugada de sexta-feira.

    Diversos órgãos participaram da ação, entre eles, Corpo de Bombeiros, Secretaria do Urbanismo, Ministério do Trabalho e Emprego, Guarda Municipal, Ministério Público do Trabalho, Vigilância Sanitária, Brigada Militar, Fiscalização de Trânsito, Procon , Centro de Referência de Saúde do Trabalhador (Cerest) da Serra e Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea).

    Clique aqui

    Clique aqui

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas