nsc

publicidade

Emendas

"Bolsonaro prometeu que daria atenção diferenciada a SC", diz Peninha 

Valor recebido em emendas pelo Estado em julho é o maior desde 2015

19/08/2019 - 07h40 - Atualizada em: 19/08/2019 - 16h09

Compartilhe

Jean
Por Jean Laurindo
Rogério Peninha é coordenador do Fórum Parlamentar Catarinense
(Foto: )

O coordenador do Fórum Parlamentar Catarinense, Rogério Peninha Mendonça (MDB), defendeu o valor recebido por Santa Catarina em emendas em julho, época da votação da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados. O valor é o maior desde 2015, conforme levantamento feito pela reportagem. O deputado refutou qualquer relação entre liberação de emendas e negociações por votação.

Peninha informou que, no caso das emendas que ele conseguiu liberar, busca usar do que define como “bom trânsito” junto ao presidente para ajudar o Estado.

– Nunca usei as emendas como moeda de troca. Com liberação ou não, eu votaria sim à Nova Previdência. Com liberação ou não, eu apoiarei a Reforma Tributária – apontou o deputado, que também é vice-líder do governo no Congresso.

O deputado disse o presidente já havia falado que daria atenção ao Estado:

– Bolsonaro prometeu para mim que daria atenção diferenciada a SC. Se está liberando mais recursos que os governos anteriores, é sinal de que está cumprindo sua palavra.

A reportagem procurou o deputado Pedro Uczai (PT), da oposição, mas o parlamentar não se manifestou. Em entrevista à imprensa nacional nos dias seguintes à liberação das emendas, o presidente Jair Bolsonaro também negou que houvesse relação das emendas com os votos buscados pelo governo.

Autor - Valor empenhado

Bancada de Santa Catarina - 130,1 Mi

Ronaldo Benedet - 8,6 Mi

João Paulo Kleinübing - 6,9 Mi

Paulo Bauer - 6,4 Mi

Valdir Colatto - 6,1 Mi

Geovania De Sá - 6,1 Mi

Cesar Souza - 6,0 Mi

Marco Tebaldi - 6,0 Mi

Dalirio Beber - 5,9 Mi

Mauro Mariani - 5,9 Mi

Rogério Peninha Mendonça - 5,8 Mi

Deixe seu comentário:

publicidade