nsc
an

Barra do Saí

Bombeiros encerram segundo dia de buscas por homem que sumiu em rio de Itapoá

Ele tentava buscar uma embarcação solta quando submergiu

16/11/2019 - 20h14 - Atualizada em: 16/11/2019 - 20h29

Compartilhe

Cláudia
Por Cláudia Morriesen
foto mostra duas pessoas em um jet ski
(Foto: )

As buscas pelo homem que desapareceu no rio Saí Mirim em Itapoá chegaram ao segundo dia sem que ele fosse encontrado. Ele não teve o nome divulgado, mas, segundo o Corpo de Bombeiros Voluntários de Itapoá, trata-se de um homem de 28 anos que estava com dois colegas atracando uma embarcação na margem do rio, que fica na Barra do Saí, por volta das 14 horas de sexta-feira.

A equipe de busca sub aquática atuou até a manhã de sábado e, depois, foi dispensada até haver novos vestígios da localização do homem. As buscas por jet ski continuaram a ser realizadas até a noite de sábado.

Segundo as testemunhas, o acidente ocorreu porque a embarcação se soltou e, na tentativa de buscá-la, o homem voltou ao rio. Como a maré estava subindo e a vítima chegou a um local de maior profundidade, ele acabou submergindo na água e não retornou mais à superfície. As buscas foram iniciadas logo depois.

Algumas horas depois do desaparecimento no rio em Itapoá, o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina emitiu um alerta recomendando aos banhistas que o banho de mar fosse evitado durante todo o fim de semana, devido às condições marítimas. O alerta se estende também às navegações.

Na sexta-feira, foram registradas outras duas ocorrências em rios em Santa Catarina, ambas em Chapecó, no Oeste. Um jovem estava em um barco que virou no Rio Chapecó; as outras duas pessoas que estavam no barco conseguiram nadar até a margem. No Rio Tigre, uma criança foi atingida por um jet ski e precisou ser encaminhada para o hospital pelo helicóptero do Serviço de Resgaye Aeromédico.

Leia também:

Morte de homens que desapareceram na Baía da Babitonga foi por asfixia

Colunistas