nsc

publicidade

Copa do Mundo

Brasil e Costa Rica na mesma torcida em Joinville

Conheça moradores das ruas que têm os nomes dos países do confronto desta sexta-feira

22/06/2018 - 05h43

Compartilhe

Por Redação NSC
(Foto: )

A torcida é de Mayara Caroline Vieira, que mora na Rua Brasil, uma das 18 vias de Joinville batizadas com o nome de uma das seleções representadas na Copa do Mundo de 2018.

— Estamos assistindo aos jogos da Seleção num grupo de 20 pessoas na casa da minha tia, todos trajados com roupa verde e amarela, bandeirinhas e vuvuzelas. O primeiro foi a maior festa, mas o empate surpreendeu. Agora, vai dar Brasil — diz ela.

O sentimento é o mesmo dos demais moradores no bairro Bom Retiro e de grande parte dos joinvilenses: faltou a vitória, mas sobra esperança rumo ao hexa.

Isso porque quem acompanhou a estreia do país no Mundial contra a Suíça levou um susto e teve a confiança no título balançada depois do um a um no marcador. Até o bolão acabou acumulado. No entanto, o retrospecto do Brasil contra sua próxima adversária, a Costa Rica, faz com que a expectativa na vitória e de avançar na competição permaneça.

E se depender dos moradores da rua adversária, isto é, da Rua Costa Rica, no Itaum, o Brasil já pode comemorar. "De Costa Rica só o nome da rua, a torcida é para o Brasil" relatam os moradores locais, que apostam em vitória brasileira. Os palpites variam, do simples 1 a 0 até goleada por 3 a 0. Um deles é Arnoldo Espíndola, 81 anos, que mora na Rua Costa Rica há 44 e não é qualquer torcedor. Ele já viu o Brasil levantar a taça de campeão por três vezes.

(Foto: )

— Lembro de seis Copas, em três delas o Brasil foi campeão. Dessa vez acho que vai dar de novo. Estou confiante. Quanto à Costa Rica, estou vendo jogar e também torço por eles, porque são todos seres humanos e a gente não pode torcer contra — afirma ele, que aposta em 2 a 1 ao Brasil.

O que também chama a atenção por lá é a torcida para além do futebol, que também ganha a simpatia dos moradores: a conclusão do calçamento da estrada. Iniciada há alguns anos, a pavimentação nunca ficou pronta e essa vitória é ainda mais aguardada:

— Torcemos pelo Brasil independente de morar nesta rua, mas ela também precisa de torcida, principalmente pelo calçamento, que já virou novela. A obra começou, mas parou e, em dia de chuva, é buraco e lama e, em dia de sol, poeira — cobra Daiane Medeiros de Souza, vizinha de seu Arnoldo.

Parte do globo dentro da cidade

Além das ruas Brasil e Costa Rica, outras vias da cidade mais populosa do Estado levam o nome de algumas das seleções representadas no Mundial desde ano. São elas: Alemanha (bairro Glória); Argentina (Floresta); Bélgica (Petrópolis); Colômbia (Floresta); Dinamarca (Santa Catarina); Egito (Iririú); Espanha (Santa Catarina); França (Iririú); Inglaterra (Boa Vista); Japão (Boa Vista); México (Floresta); Panamá (Floresta); Polônia (Iririú); Portugal (Santa Catarina); República do Peru (Floresta) e Uruguai (Itaum).

Deixe seu comentário:

publicidade