nsc
santa

É crime

Cães em pele e osso são resgatados em Ascurra e homem vai preso por maus-tratos

Polícia chegou ao local após uma denúncia de animais ficavam sem água e nem comida

21/05/2022 - 14h08 - Atualizada em: 21/05/2022 - 14h09

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Cachorros apresentam visível estado de desnutrição
Cachorros apresentam visível estado de desnutrição
(Foto: )

Três cachorros foram resgatados após uma denúncia anônima indicar maus-tratos. A polícia encontrou os animais em pele e osso. O estado de desnutrição dos bichos é visível nas fotos e vídeo. O dono dos cães estava em casa no momento da abordagem e foi preso em flagrante. 

> Acesse para receber as notícias do Santa por WhatsApp

Os cachorros estavam presos a correntes curtas quando a polícia chegou ao local na Rua Theodoro Moser, no bairro Estação, nesta sexta-feira (20). Os animais não tinham água e nem comida, como apontava a denúncia. Nas imagens feitas pelos investigadores é possível perceber as costelas e ossos da bacia de um dos cães. 

Veja momento do resgate

Os três animais foram levados para lares temporários. 

O homem acabou preso e deve responder pelo crime de maus-tratos a animais, cuja pena varia de dois a cinco anos de prisão. Ele foi levado à Unidade Prisional de Indaial, onde iria aguardar audiência de custódia com o juiz. 

Um levantamento recente do Santa mostra que um a cada 20 casos de maus-tratos a animais vira condenação em Santa Catarina. Entre 2017 e fevereiro de 2022, a Polícia Civil abriu mais de 3,3 mil inquéritos de crimes contra animais. Neste mesmo período, houve 167 condenações na Justiça. Na maioria delas a punição se resumiu a multa.​

> Um a cada 20 casos de maus-tratos a animais vira condenação em SC e número expõe impunidade

­
­
(Foto: )

Colunistas