nsc

Estúdio CBN Diário

Câmara aprova cobrança fracionada em estacionamentos de Florianópolis

Vereador Gabrielzinho e presidente do Sindicato do setor debatem o projeto nesta quarta na CBN

11/12/2019 - 13h10 - Atualizada em: 11/12/2019 - 13h27

Compartilhe

Renato
Por Renato Igor
Sindicato e vereador debatem estacionamento fracionado na CBN Diário
Sindicato e vereador debatem estacionamento fracionado na CBN Diário
(Foto: )

A Câmara de Vereadores de Florianópolis aprovou, em primeira votação, a cobrança fracionada em estacionamentos privados. Se o projeto for sancionado, o motorista que deixar o carro em estacionamento privado em Florianópolis não vai precisar mais pagar pela hora cheia, mesmo que não fique todo o período. Ele pagará a partir de frações de 15 minutos.

A segunda votação está marcada para esta quarta-feira (11). O texto original é do ex-vereador Tiago Silva, mas ontem foi aprovado o substitutivo global apresentado pelo vereador Gabrielzinho (PSB). A intenção do projeto é favorecer o motorista e que ele pague o valor proporcional em que deixou o carro estacionado. A lei entrará em vigor após 30 dias da publicação. A prefeitura terá 90 dias para regulamentação.

O assunto está em debate no Estúdio CBN Diário desta quarta-feira (11), com as presenças do vereador Gabrielzinho e do presidente do Sindicato Intermunicipal dos Estabelecimentos de Garagens, Estacionamento, Limpeza e Conservação de Veículos (Sindepark-SC), André Ostermann, que é contra a lei. Acompanhe o programa.

Ostermann diz que o mercado regula a cobrança e prevê aumento de preço caso a lei entre em vigor:

— Em Porto Alegre, uma meia hora chega a custar R$ 14. A boa intenção dos vereadores resultou nisso.

Colunistas